Operário: volante projeta “nova competição” na 2ª fase do Paranaense sub-20

O volante Marcos Vinícius se tornou peça importante da equipe comandada por Sandro Forner, tendo atuado em 9 dos 10 jogos do Operário no Campeonato Paranaense

Redação - 21 de julho de 2022, 13:22

(João Vitor/Operário)
(João Vitor/Operário)

Com a vitória por 2 a 1 sobre o Iraty, na última sexta-feira (15), o Operário ficou em
terceiro lugar no Grupo B e assim garantiu a classificação para a Segunda Fase do
Campeonato Paranaense sub-20. Em 10 jogos, o Fantasma conquistou cinco vitórias, dois empates e saiu derrotado em três oportunidades.

Vindo das categorias base do Cruzeiro, onde foi o capitão do time no título da Copa
Metropolitana sub-19, no ano passado, o volante Marcos Vinícius se tornou peça importante da equipe comandada por Sandro Forner, tendo atuado em 9 dos 10 jogos do Operário no Campeonato Paranaense, sendo cinco como titular. Ele analisou a campanha do Fantasma na Primeira Fase.

“Como chegaram alguns jogadores novos, incluindo eu, pouco antes e até nos primeiros jogos da competição, nós tivemos pouco tempo de preparação juntos para se adaptar e pegar entrosamento, que foi onde deixamos escapar alguns pontos importantes lá no início. No final do primeiro turno conseguimos pegar esse entrosamento que faltava e fomos crescendo aos poucos, no momento certo da competição. Dali em diante acredito que conseguimos fazer bons jogos, tivemos uma boa sequência de resultados positivos e conseguimos alcançar o principal objetivo da Primeira Fase do Paranaense, que era a classificação” – disse o jogador de 18 anos.

Na Segunda Fase, o Operário formará grupo com o Londrina, líder geral da competição, além do Patriotas e do Cascavel. As equipes se enfrentarão em jogos de turno e returno, classificando-se para a Terceira Fase os dois melhores colocados. Marcos Vinícius projetou a nova etapa e disse que vê o time preparado para se classificar e depois buscar o título do Campeonato Paranaense sub-20.

“A partir de agora temos que encarar como uma nova competição, que vai nos exigir ainda mais do que a Primeira Fase. Sabemos que enfrentaremos times qualificados, mas vamos chegar fortes e preparados para buscar a classificação. O time vem de uma crescente muito boa, então agora é manter o nível de atuação que tivemos na reta final da Primeira Fase e ir avançando cada vez mais no campeonato, até o título, que é o nosso grande objetivo para a temporada.”

Com passagem pelas categorias de base do Atlético-MG, além do Cruzeiro, por onde atuou de 2020 a 2022, Marcos Vinícius possui contrato com o Fantasma até o final de 2023. Ele é um dos nomes avaliados para integrar a equipe profissional do Operário nos próximos anos.