Operário x Coritiba AO VIVO: onde assistir ao Paranaense

Operário e Coritiba se enfrentam pela segunda rodada do Campeonato Paranaense - saiba onde assistir ao vivo e as escalações confirmadas

Pedro Melo - 27 de janeiro de 2022, 20:46

(Divulgação/Coritiba)
(Divulgação/Coritiba)

Operário e Coritiba se enfrentam pela segunda rodada do Campeonato Paranaense - saiba onde assistir ao vivo e as escalações confirmadas pelos dois treinadores.

A partida acontece na noite desta quinta-feira (27), às 21h30, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa.

ONDE ASSISTIR OPERÁRIO X CORITIBA AO VIVO

O jogo do Campeonato Paranaense tem transmissão da NSports e do One Football, no streaming.

O valor da mensalidade na NSports é de R$ 99,90, que podem ser parcelado em até quatro vezes, para assistir a todos os jogos do estadual. 

Para a partida, o Coritiba tem duas mudanças na escalação: o lateral-direito Matheus Alexandre assume o lugar de Natanael para ser observado pelo técnico Gustavo Morínigo e o atacante Pablo García estreia com a camisa coxa-branca na vaga de Luizão.

A escalação coxa-branca tem Alex Muralha; Matheus Alexandre, Henrique, Márcio Silva e Egídio; Willian Farias, Matheus Sales e Robinho; Alef Manga, Pablo García e Igor Paixão.

Do outro lado, o Operário também tem trocas em relação ao time que ganhou na estreia. O técnico Ricardo Catalá escala o Fantasma com Simão; Arnaldo, Reniê, Willian Machado e Fabiano; André Lima, Pavani e Marcelo; Lucas Mendes, Felipe Garcia e Rodrigo Pimpão.

FICHA TÉCNICA – 2ª RODADA DO CAMPEONATO PARANAENSE

Onde assistir Operário x Coritiba: NSports e One Football.

Data, horário e local: quinta-feira (27), às 21h30, no estádio Germano Krüger, em Ponta Grossa (PR).

Operário: Simão; Arnaldo, Reniê, Willian Machado e Fabiano; André Lima, Pavani e Marcelo; Lucas Mendes, Felipe Garcia e Rodrigo Pimpão. Técnico: Ricardo Catalá.

Coritiba: Alex Muralha; Matheus Alexandre, Henrique, Márcio Silva e Egídio; Willian Farias, Matheus Sales e Robinho; Alef Manga, Pablo García e Igor Paixão. Técnico: Gustavo Morínigo.

Arbitragem: David Herek Pinho (PR), auxiliado por Denise Akemi Simões de Oliveira (PR) e Paulo Gustavo Rivelini (PR).