Palmeiras vence Ponte Preta e reencontra Corinthians na final do Paulista

Jorge de Sousa

Palmeiras vence Ponte Preta e reencontra Corinthians na final do Paulista

O Palmeiras venceu a Ponte Preta por 1 a 0 na noite deste domingo (2) e vai reencontrar o Corinthians na final do Campeonato Paulista.

O gol foi marcado por Patrick de Paula aos 45 minutos do primeiro tempo, em chute de longa distância que desviou em Wellington Carvalho e matou Ivan.

Por ter melhor pontuação em todo Campeonato Paulista, o Palmeiras terá a vantagem de decidir o segundo jogo da final no Allianz Parque.

Palmeiras e Corinthians decidiram o Campeonato Paulista pela última vez em 2018, quando a equipe de Parque São Jorge venceu o rival nas penalidades.

Desde o início da competição, as equipes decidiram o título em seis oportunidades, com três títulos para cada um dos times.

PALMEIRAS CRESCE COM BOLA DOS ‘MENINOS’

Fabio Menotti

Vanderlei Luxemburgo repetiu pela terceira vez no Campeonato Paulista a escalação do Palmeiras, apostando nos ‘meninos’ Patrick de Paula e Gabriel Menino na equipe titular.

A aposta se mostrou certeira com o Palmeiras iniciando melhor a partida. Logo aos cinco minutos, Gabriel Menino cruzou da direita e Rony apareceu no segundo poste para escorar, parando na defesa de Ivan.

No minuto seguinte, Gabriel Menino puxou pelo centro e enfiou para Rony na esquerda. O atacante finalizou cruzado e Ivan espalmou para a linha de fundo.

Gabriel Menino seguiu em bom ritmo e aos 16 minutos lançou Willian na área, mas o atacante foi travado por Apodi no momento da finalização.

Na cobrança de escanteio, Diogo Barbosa cobrou na marca do pênalti e Gustavo Gómez escorou firme no travessão de Ivan.

Willian teve nova chance para marcar aos 30 minutos. Após tabela com Luiz Adriano, o atacante finalizou de primeira cruzado, mas novamente Ivan se esticou para espalmar.

Só que Ivan acabou ‘traído’ aos 45 minutos. Patrick de Paula pegou sobra na intermediária e arriscou de longa distância. A bola desviou em Wellington Carvalho e passou por cima do arqueiro antes de ir para o gol.

A primeira chance de perigo da Ponte Preta saiu apenas aos cinco minutos do segundo tempo. Roger lançou João Paulo na área e o meia finalizou firme para Weverton espalmar.

O Palmeiras conseguiu encaixar bom contra-ataque aos 11 minutos. Rony foi lançado na área e bateu cruzado. Luiz Adriano não conseguiu o domínio, mas a bola sobrou para Willian ajeitar para Gabriel Menino finalizar perto do poste direito.

Ivan salvou o segundo gol do Palmeiras aos 24 minutos. Zé Rafael cruzou rasteiro e Bruno Henrique tocou de bico de chuteira, mas o goleiro esticou o pé para defender, em cima da linha.

A resposta da Ponte Preta foi aos 30 minutos. Roger foi lançado na área e chutou firme para defesa segura de Weverton.

O travessão mais uma vez parou o Palmeiras aos 38 minutos. Gustavo Scarpa recebeu na intermediária e arriscou o chute, mas a bola desviou na defesa, bateu no poste e saiu pela linha de fundo.

Previous ArticleNext Article