Palmeiras vence Atlético Nacional nos pênaltis na estreia de Luxemburgo

Jorge de Sousa

Palmeiras - Atlético Nacional - Flórida Cup - Vanderlei Luxemburgo

A estreia de Vanderlei Luxemburgo foi decidida nas penalidades. Após empate em 0 a 0 no tempo normal, o Palmeiras venceu o Atlético Nacional por 10 a 9 nos pênaltis pela Flórida Cup, nesta quarta-feira (15).

Luxemburgo começou contra o Atlético Nacional sua quinta passagem pelo Palmeiras e tenta repetir o sucesso do passado, quando conquistou dois Campeonatos Brasileiros e quatro Campeonatos Paulista.

A Florida Cup é um torneio de caráter amistoso disputado em Orlando, nos Estados Unidos. Essa é a primeira participação do Palmeiras na competição.

JOGO EQUILIBRADO EM ORLANDO

Palmeiras - Atlético Nacional - Flórida Cup - Vanderlei Luxemburgo
Equipes criaram boas oportunidades de gol, mas a bola só balançou as redes nas cobranças de penalidade. (Rafael Ribeiro)

Ao contrário do duelo anterior da Florida Cup entre Corinthians e New York City FC, Palmeiras e Atlético Nacional fizeram um embate muito equilibrado.

As melhores chances do primeiro tempo foram do Palmeiras. Aos seis minutos, Luiz Adriano ajeitou de cabeça, Dudu limpou a jogada e finalizou de sem pulo por cima do gol. Já com 15 minutos, foi a vez do atacante servir um companheiro, com Lucas Lima aparecendo sozinho na pequena área e finalizando rasteiro para boa defesa de Quintana.

Com os times modificados para o segundo tempo, o Atlético Nacional voltou melhor para campo e obrigou Jailson a trabalhar no início da etapa final.

Logo no primeiro minuto, Quiñones arriscou da entrada da área e Jailson fez boa defesa, mas o rebote caiu nos pés de Barrera, que pegou de primeira e o goleiro alviverde se esticou para mandar para escanteio.

Barrera teve nova chance aos quatro minutos. O atacante foi lançado nas costas da dupla de zaga e Jailson saiu bem do gol para travar o chute. O rebote ficou com Barrera, que tentou o toque por cobertura e a bola passou perto do poste esquerdo.

O Atlético Nacional teve mais uma chance aos dez minutos. Após cobrança de escanteio, Duque tentou uma finalização acrobática com o calcanhar e a bola passou raspando o poste direito.

A melhor chance do Palmeiras no segundo tempo foi aos 22 minutos. Wesley recebeu de Gabriel Veron, fintou a marcação e finalizou cruzado para boa defesa de Cuadrado.

O Palmeiras teve a última chance do jogo aos 42 minutos. Após saída errada da zaga do Nacional, Gabriel Veron roubou a bola e finalizou cruzado perto do poste esquerdo de Cuadrado.

Nas penalidades, Victor Luiz finalizou no canto esquerdo alto, Duque – com paradinha, finalizou no meio do gol, Luan bateu firme no canto direito, mesma cobrança utilizada por Candelo e também por Alan Guimarães e Quiñonez.

Já Gabriel Menino deslocou Cuadrado e bateu rasteiro no meio do gol, enquanto Jailson chegou a tocar a bola na cobrança de Rovira, mas a bola tocou na trave e entrou. Willian preferiu o chute firme no canto direito e Barrera – também com paradinha, tocou com estilo para o meio do gol.

Nas alternadas, Emerson Santos bateu firme no canto direito, Blanco bateu a meia altura e Jailson resvalou na bola antes dela entrar. Wesley também preferiu a finalização firme no canto direito, mesma cobrança adotada por Yabur.

Ramires cobrou o oitavo pênalti no ângulo direito, Córdoba bateu firme no meio do gol, Mayke foi para o canto esquerdo alto, mesma escolha do goleiro Cuadrado.

No décimo pênalti, Gabriel Veron deslocou Cuadrado e bateu no canto esquerdo, enquanto Jailson pulou no canto direito e defendeu o chute de Velásquez para garantir o triunfo do Palmeiras.

INÍCIO DE TRABALHO DE VANDERLEI LUXEMBURGO

Com um começo de trabalho já movimentado após os afastamentos de Ralf e Jádson, Tiago Nunes sabe que os primeiros jogos na temporada são fundamentais para maior tranquilidade em seu cargo.

O Palmeiras ainda enfrenta neste sábado (18), o New York City FC em Orlando, em seu último compromisso na Flórida Cup.

A estreia da equipe no Campeonato Paulista será no dia 22 de janeiro (quinta-feira), contra o Ituano, no Estádio Novelli Júnior em Itu.

O primeiro grande desafio do Palmeiras na temporada será no dia 26 de janeiro, quando a equipe de Luxemburgo recebe o São Paulo, em seu primeiro clássico na temporada.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="679371" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]