Palmeiras vira contra o Mirassol na estreia do gramado sintético do Allianz Parque

Com oito minutos arrasadores, o Palmeiras buscou a virada contra o Mirassol e venceu o rival por 3 a 1 na tarde deste do..

Jorge de Sousa - 16 de fevereiro de 2020, 18:17

Divulgação/Sociedade Esportiva Palmeiras
Divulgação/Sociedade Esportiva Palmeiras

Com oito minutos arrasadores, o Palmeiras buscou a virada contra o Mirassol e venceu o rival por 3 a 1 na tarde deste domingo (16), em jogo que marcou a estreia do gramado sintético do Allianz Parque.

O duelo válido pela sexta rodada do Paulistão foi realizado no Allianz Parque, em São Paulo.

Rafael Silva abriu o placar para o Mirassol, enquanto Gustavo Goméz, Raphael Veiga e Luiz Adriano viraram para o Palmeiras.

A vitória deixou o Palmeiras na vice-liderança do Grupo B, com 11 pontos ganhos. O líder da chave é o Santo André com 15 pontos ganhos.

Já o Mirassol perdeu sua invencibilidade, mas ainda é o líder do Grupo C, tendo dez pontos ganhos. Na sequência aparecem a Inter de Limeira e o São Paulo, com nove pontos cada.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo na semana de Carnaval pela sétima rodada do Campeonato Paulista.

O Palmeiras recebe o Guarani no Allianz Parque, nesta quinta-feira (20), às 21h30.

Já o Mirassol viaja para encarar o Novorizontino, no Jorge Ismael de Biasi, nesta sexta-feira (21), às 19h15.

VIRADA RELÂMPAGO

O Palmeiras foi melhor na primeira etapa, conseguindo controlar as ações do jogo, mas tendo dificuldades de entrar na área do Mirassol.

Luiz Adriano teve boa chance aos seis minutos. Após escanteio cobrado por Zé Rafael, Gabriel Veron ajeitou de cabeça para o centroavante, que tinha espaço para girar, mas tentou a finalização de calcanhar e a bola foi fraca para a defesa de Kewin.

A outra boa chance criada pelo Palmeiras na primeira etapa foi com Patrick de Paula aos 45 minutos. O volante bateu falta da intermediária com efeito e a bola passou perto do poste esquerdo.

A primeira chance do segundo tempo foi do Palmeiras aos dois minutos. Após bola rebatida na entrada da área, Zé Rafael emendou de primeira e a bola passou perto do travessão.

Felipe Melo ficou perto de abrir o placar aos dez minutos. Após escanteio cobrado por Gabriel Menino, o volante subiu alto e escorou perto do poste esquerdo.

Mas quem balançou as redes primeiro foi o Mirassol. Aos 14 minutos, Maranhão girou sobre Gustavo Goméz e cruzou rasteiro para Maranhão empurrar para o fundo do gol.

Só que o Palmeiras começou uma forte reação aos 23 minutos. Primeiro, Gabriel Menino bateu escanteio na marca do pênalti e Gustavo Gómez ganhou pelo alto e escorou firme para o gol.

Aos 28 minutos, o Palmeiras buscou a virada no placar. Bruno Henrique avançou pela direita e cruzou na medida na marca do pênalti para Raphael Veiga, que bateu por cobertura na saída de Kewin para marcar o gol.

O placar foi fechado aos 31 minutos. Gabriel Veron recebeu na esquerda, cruzou rasteiro para Luiz Adriano, que ajeitou o corpo e bateu cruzado para balançar as redes.