Palmeiras vence Santo André com gol de Raphael Veiga na volta dos titulares

Com seus titulares de volta uma semana após o vice-campeonato mundial nos Emirados Árabes, o Palmeiras venceu o Santo André neste sábado (19), por 1 a 0.

Folhapress - 19 de fevereiro de 2022, 20:04

Cesar Greco
Cesar Greco

Com seus titulares de volta uma semana após o vice-campeonato mundial nos Emirados Árabes, o Palmeiras venceu o Santo André neste sábado (19), por 1 a 0, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. O gol no Allianz Parque foi marcado por Rapahel Veiga em cobrança de pênalti ainda no primeiro tempo e amplia a invencibilidade do time comandado por Abel Ferreira.

O Palmeiras chega a 14 pontos conquistados em seis partidas e lidera tanto o Grupo C, quanto a classificação geral do Estadual. Já o Santo André chega a cinco partidas sem vencer e pode terminar a rodada na zona de rebaixamento, com sete pontos.

O próximo desafio do Palmeiras é a ida da final da Recopa Sul-Americana. Na quarta-feira, às 21h30, visita o Athletico-PR na Arena da Baixada. Só volta a pensar no Paulistão no fim de semana. Já o Santo André volta a jogar no sábado (26), contra o Guarani.

Abel Ferreira testou uma variação do sistema de jogo do Palmeiras na falta de seu cobiçado centroavante. A função mais avançada e centralizada do ataque, especialmente sem bola, foi desempenhada em muitos momentos pelo meia Raphael Veiga, com Rony pela esquerda e Dudu do lado direito do ataque. Atuesta e Jailson revezavam na armação, como se fosse a função de Veiga, o que também impunha um desafio estratégico ao Santo André para saber como o Palmeiras se comportaria com posse de bola. O pênalti do primeiro gol, aliás, foi gerado numa jogada de Veiga dentro da área -demonstração de eficiência da estratégia.

Para além do gol do Palmeiras, o primeiro tempo no Allianz Parque foi marcado por muita movimentação e boas chances de gol para os dois times. O Santo André criou as primeiras: aos oito minutos já teve um chutaço de fora da área de Giovany Bariani defendido por Weverton, que repetiu o bom desempenho em duas tentativas de Dudu Vieira. O Palmeiras reagiu com Rony, Danilo e principalmente Veiga, logo depois do gol, numa finalização por cima do travessão. Eram dois times querendo gol.

O Santo André voltou desorganizado para o segundo tempo. Não conseguiu ficar com a posse de bola e se limitou a defender, o que fez o técnico Thiago Carpini mudar duas vezes antes dos 15 minutos. Abel Ferreira desmontou a formação pouco depois, com Rafael Navarro de centroavante na vaga de Danilo, reorganizando o meio-campo. Os visitantes tiveram uma boa chance aos 40, numa finalização de Bruno Xavier defendida em dois tempos por Weverton, e depois reclamaram de um suposto pênalti, mas ficou nisso.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 x 0 SANTO ANDRÉ
Competição: Campeonato Paulista - 8ª rodada
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data/hora: 19 de fevereiro de 2022, sábado, às 16h (de Brasília)
Árbitro: Thiago Lourenço de Mattos
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Alex Alexandrinho
VAR: Thiago Luis Scarasti
Público/renda: 20.723 pagantes e R$ 985.194,21.
Cartões amarelos: Atuesta, Abel Ferreira (Palmeiras), Thiago Carpini, Gustavo Nescau, Serginho, Jeferson (Santo André)
GOLS: Raphael Veiga, do Palmeiras, aos 33 minutos do primeiro tempo.

PALMEIRAS
Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Murilo e Piquerez; Danilo (Rafael Navarro, aos 32/2ºT), Jailson e Atuesta; Dudu (Patrick de Paula, aos 44/2ºT), Rony (Wesley, aos 28/2ºT) e Raphael Veiga (Breno Lopes, aos 44/2ºT). Técnico: Abel Ferreira.

SANTO ANDRÉ
Jefferson Paulino; Jeferson, Luiz Gustavo, Carlão e Thallyson; Serginho (Sabino, aos 28/2ºT), Dudu Vieira e Carlos Jatobá (Thiaguinho, aos 11/2ºT); Lucas Tocantins (Bruno Xavier, aos 28/2ºT), Giovany Bariani (Gustavo Nescau, aos 11/2ºT) e Júnior Todinho (Rochinha, aos 38/2ºT). Técnico: Thiago Carpini.

LEIA MAIS: Bruno Soares se classifica pela 1ª vez à final de duplas do Rio Open