Palmeiras x Chelsea AO VIVO: onde assistir à final do Mundial

Palmeiras e Chelsea decidem o título do Mundial de Clubes de 2021 - saiba onde assistir ao jogo ao vivo e as escalações

Redação - 12 de fevereiro de 2022, 12:45

(Cesar Greco/Palmeiras e divulgação/Chelsea)
(Cesar Greco/Palmeiras e divulgação/Chelsea)

Palmeiras e Chelsea decidem o título do Mundial de Clubes de 2021 - saiba onde assistir ao jogo ao vivo e as escalações confirmadas pelos dois treinadores para a final.

O jogo acontece neste sábado (12), às 13h30 (horário de Brasília), no Mohammed Bin Zayed Stadium, em Abu Dhabi (EAU).

ONDE ASSISTIR PALMEIRAS X CHELSEA AO VIVO

A final do Mundial de Clubes tem transmissão da Band, em TV aberta, do BandSports, em TV fechada, e do site da Band, na internet.

O Palmeiras sonha com um dos troféus mais importantes de sua história e está confiante que pode vencer a final do Mundial. "Como fazemos com todos os times que vamos jogar, a gente se prepara bem dentro de campo para poder fazer o que o Abel pede e tentar ganhar. Hoje foi uma tática ali para poder surpreender no sábado. Acho que vamos surpreender, sim, sair campeões com fé em Deus", afirmou o volante Danilo.

Do outro lado, o Chelsea busca o título inédito do Mundial de Clubes, o único que ainda não conquistou. "Quando você entra numa competição, é importante vencê-la. É um grande torneio para nós e o Chelsea nunca venceu. Talvez seja a única taça que falta na prateleira do Chelsea, então queremos ganhá-la", disse o auxiliar Zsolt Low.

O assistente comandou o Chelsea na semifinal contra o Al-Hilal, mas o técnico Thomas Tuchel se juntou a delegação após se recuperar da covid-19.

FICHA TÉCNICA - FINAL DO MUNDIAL DE CLUBES

Onde assistir Palmeiras x Chelsea: Band, BandSports e site da Band.

Data, horário e local: sábado (12), às 17h, no Mohammed Bin Zayed Stadium, em Abu Dhabi (EAU).

Palmeiras: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Piquerez; Danilo, Zé Rafael e Gustavo Scarpa; Raphael Veiga, Dudu e Rony. Técnico: Abel Ferreira.

Chelsea: Mendy; Christensen, Thiago Silva e Rudiger; Azpilicueta, Kanté, Kovacic, Mount, Hudson-Odoi e Havertz; Lukaku. Técnico: Thomas Tuchel.