Para tentar sair da ZR, Atlético-PR recebe o São Paulo neste sábado

Francielly Azevedo

O Atlético-PR tem uma missão antes da parada para a Copa do Mundo da Rússia: deixar a zona de rebaixamento. Para conseguir isso o rubro-negro tem duas partidas, a primeira delas contra o São Paulo, neste sábado (9), às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada.

O Furacão ocupa a 17ª posição, com nove pontos. Um ponto a menos que a Chapecoense, primeira equipe fora da zona da degola. Como trunfo, a equipe atleticana tem o histórico de nunca ter perdido para o tricolor paulista em Curitiba, depois da reforma da Arena da Baixada (13 vitórias e cinco empates).

Para o duelo, o técnico Fernando Diniz tem dois retornos: o volante Esteban Pavez e o lateral-direito Jonathan, recuperados de lesão. Com isso, Pavez deve formar o trio defensivo com Thiago Heleno e Wanderson, já que Zé Ivaldo cumpre suspensão pelo terceiro amarelo. Outra opção, se Pavez não tiver condições de iniciar como titular, é a presença de Bruno Guimarães no trio de zaga.

O volante Matheus Rossetto, que ficou de fora do duelo com o Sport, chegou a treinar com o elenco, mas foi vetado novamente com dores musculares. Sendo assim, Marcinho permanece como titular.


O provável time tem Santos; Wanderson, Thiago Heleno e Esteban Pavez (Bruno Guimarães); Marcinho, Lucho González, Camacho e Thiago Carleto; Nikão, Pablo e Raphael Veiga (Guilherme).

O jogo será comandado pelo árbitro Anderson Daronco, auxiliado por Elio Nepomuceno de Andrade Junior e Jorge Eduardo Bernardi. Ambos do Rio Grande do Sul.

O ADVERSÁRIO

Com o objetivo diferente do Atlético, o São Paulo busca o G4 antes da parada para Copa do Mundo. Com 17 pontos, na sexta posição, a equipe tem a mesma pontuação do Atlético-MG, quarto colocado, e do Palmeiras, terceiro na tabela. A equipe tricolor não vence há duas partidas (uma derrota para o Palmeiras e um empate com o Inter).

O técnico Diego Aguirre tem quatro retornos: Nenê e Bruno Alves, que cumpriram suspensão, Jucilei, que foi poupado,  e Hudson, que estava machucado.

Com isso, o São Paulo deve ter Sidão; Éder Militão, Anderson Martins (Arboleda), Bruno Alves e Reinaldo; Jucilei, Hudson e Nenê; Lucas Fernandes, Everton e Diego Souza.

 

 

Post anteriorPróximo post
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Repórter do Paraná Portal e Rádio CBN. Tem passagens pela TV éParaná, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina.
Comentários de Facebook