Paraná Clube encerra 2020 com 74% de chance de ser rebaixado para a Série C

Redação

paraná clube gilmar dal pozzo série b técnico demissão

O Paraná Clube tem 74,2% de chance de ser rebaixado para a Série C do Campeonato Brasileiro, segundo cálculos do Departamento de Matemática da UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). No último jogo de 2020, a equipe foi facilmente batida pela Chapecoense por 2 a 0.

O time paranista acaba o ano dando desânimo no torcedor. Foram apenas 13 vitórias em um único, pior marca dos 31 anos do clube. Contudo, vale lembrar que o Tricolor disputou menos jogos neste ano por conta da pandemia do coronavírus, que prolongou a disputa da Série B até o início de 2021.

O principal baque foi a demissão do técnico Alan Aal. O time estava próximo do G4, mas o desempenho caiu. No primeiro momento de instabilidade, o presidente Leonardo Oliveira optou pela troca e mudou completamente os rumos do Tricolor. Rogério Micale foi contratado na sequência, mas obteve cinco derrotas e um empate e também foi demitido. Agora, Gilmar Dal Pozzo tem a missão de evitar o inédito rebaixamento tricolor para a Série C.

Entretanto, a esperança de escapar do rebaixamento permanece. O Paraná aparece na tabela em 18° lugar com 32 pontos, três a menos que Náutico e Figueirense.

O próximo adversário do time paranista é o Botafogo-SP. O jogo está marcado para às 17h da próxima segunda-feira (4/1), na Vila Capanema. Depois, o Paraná Clube viaja para Recife, onde encara o Náutico nos Aflitos em um confronto direto contra a ZR.

Previous ArticleNext Article