Paraná Clube: polícia divulga fotos de torcedores que invadiram o gramado da Vila

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) divulgou imagens de suspeitos de invadirem o gramado da Vila Capanema para agredir os jogadores do Paraná Clube

Redação - 04 de abril de 2022, 17:12

Novo 0
Novo 0

A Polícia Civil do Paraná (PCPR) divulgou imagens na tarde desta segunda-feira (04) de suspeitos de invadirem o gramado da Vila Capanema para agredir os jogadores do Paraná Clube. O fato aconteceu no dia 26 de fevereiro, quando o Tricolor perdeu para o União por 3 a 1 e caiu para a segunda divisão do Campeonato Paranaense.

Em entrevista ao Paraná Portal após o ocorrido, o delegado Luiz Carlos de Oliveira, da Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos (Demafe), afirmou que os envolvidos serão indiciados por formação de quadrilha e invasão.

"Além da invasão, vamos tacar uma invasão de quadrilha neles. Se não radicalizar, não vai seguir de exemplo para ninguém. Quando ela toma uma atitude, tem que tomar uma sanção e não pode não dar em nada. Vamos fazer a nossa parte", afirmou o delegado.

A Polícia Civil do Paraná já identificou e ouviu outros suspeitos de invadir o gramado da Vila Capanema. A PCPR solicita a colaboração da população para informações que ajudem na identificação. As denúncias podem ser feitas de forma anônima pelo telefone (41) 3326-3600, diretamente à equipe de investigação.

PARANÁ CLUBE PERDEU OITO MANDOS DE CAMPO PELA INVASÃO DOS TORCEDORES

A confusão ocorrida na Vila Capanema prejudicou o Paraná Clube também dentro das quatro linhas. O Tricolor perdeu oito mandos de campo em julgamento do Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) e vai ter que jogar toda a segundona do estadual em 2023 longe de casa.

A perda dos oito mandos de campo foi baseada no artigo 213, parágrafo 1º, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): "Quando a desordem, invasão ou lançamento de objeto for de elevada gravidade ou causar prejuízo ao andamento do evento desportivo, a entidade de prática poderá ser punida com a perda do mando de campo de uma a dez partidas, provas ou equivalentes, quando participante da competição oficial".