Paraná Clube finaliza preparação especial para enfrentar o Santo André

Tricolor realizou trabalhos no CT do Caju para tentar se adaptar ao gramado sintético, que é utilizado no Estádio Bruno José Daniel.

Gabriel Sawaf - 03 de junho de 2022, 09:20

Oscar Felipe/Paraná Clube
Oscar Felipe/Paraná Clube

O Paraná Clube finalizou uma preparação especial para enfrentar o Santo André, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro da Série D, na tarde deste sábado (04), às 15h, no Estádio Bruno José Daniel. 

O cronograma de trabalho do Tricolor foi alterado por conta do gramado sintético do estádio do ABC paulista. Na última terça-feira (31), a equipe paranista realizou um treinamento no miniestádio do CT do Caju. Antes da partida, o Paraná, que viajou na tarde da quinta-feira (02), irá realizar um treino no estádio Baetão, em São Bernardo do Campo, que também possui o gramado sintético.

Em entrevista a Radio Banda B, o treinador Omar Feitosa comentou sobre a opção de realizar apenas dois treinamentos antes da partida e espera que a adaptação do time ao gramado seja rápida. 

"Fizemos um treinamento no CT do Caju, não é a grama sintética do campo que vamos jogar, mas gera uma adaptação. Também faremos mais um treino em Santo André. Temos que ter dois cuidados: o primeiro é fazer muitos treinos no sintético, pode gerar algumas dores por conta da adaptação, nos gerar mais problemas que benefícios. Então, vamos fazer dois treinamentos e ir para o jogo, torcer para termos uma adaptação rápida durante o jogo", pontuou.

Apesar da  diferença do gramado, o treinador paranista espera que a equipe possa manter o mesmo nível das atuações, com imposição do ritmo de jogo e também de como se preparar para dificuldades que o Santo André possa oferecer.

"Temos que tentar fazer nosso jogo, estar preparados para conseguir jogar e, se não der, fazer um duelo mais direto, vertical e com bolas mais longas", analisou. 

Escalação

Para o duelo deste sábado, havia a expectativa de que o Tricolor pudesse repetir a escalação que venceu o Ramalhão no último sábado. Porém, de acordo com informações divulgadas pelo jornalista Luiz Ferraz, o meia Marcelinho e o atacante Everton Brito foram poupados e não viajaram com a equipe. 

Como alternativas, Feitosa pode promover a entrada de Alisson Taddei na equipe titular e tem três opções para o ataque: Ueslei Brito, Milla e Pablo Thomaz. 

Com isso, o Tricolor pode entrar em campo com: Felipe; André Krobel, Franklin, Odivan e César Morais; Moisés Gaúcho, Vinícius Kiss e Rafael Silva; Alisson Taddei, Carlos Henrique e Milla (Ueslei Brito ou Pablo Thomaz).