Paraná Clube tenta segurar a pressão, mas é derrotado pelo Internacional nos acréscimos

Francielly Azevedo


O Paraná Clube tentou, lutou, mas terminou derrotado pelo Internacional neste domingo (19). Na estreia do técnico Claudinei Oliveira, o Tricolor adotou uma postura mais retrancada para conseguir passar pelos gaúchos no Beira-Rio. A estratégia parecia ter dado certo, até que aos 50 minutos, Camilo, de bola parada, marcou o gol da vitória colorada.

O Inter dominou as ações do jogo no primeiro tempo, mas conseguiu as melhores chances apenas na bola parada. Aos 12, após escanteio e desvio de Emerson, Patrick manda um voleio, mas Richard defende com maestria. Dois minutos depois, em novo escanteio, Jonathan Álvez desvia e Richard tem outra boa atuação.

Com a postura do Inter, o Paraná apostou em um esquema mais fechado e recuado, para segurar a pressão.

Aos 22, outra boa chegada do Inter. Dourado lançou Fabiano, que cruzou na área. Jonathan Álvez sozinho na cara do gol mandou rente à trave.

Apesar da retranca, o Paraná também assustou já no finzinho da primeira etapa. Silvinho mandou uma bomba e Marcelo Lomba espalmou. No rebote, Grampola cabeceou para área, só que Carlos não conseguiu finalizar.

Antes do apito final do primeiro tempo, Leandro Vilela tocou para Grampola que, dentro da área, mandou por cima do gol.

Conseguindo segurar o imponente colorado, o Tricolor voltou animado do intervalo. Logo aos três, Jhonny Lucas disputou a bola. Ela ficou para Caio Henrique tentar o arremate, que passou pertinho da trave.

O Inter voltou a atacar. Tentou com Nico López, que mandou uma pancada da entrada da área, mas Richard defendeu. No rebote, Potker disputou com Rayan, reclamou de pênalti, mas o juiz mandou seguir.

Aos 15, Richard evitou outro arremate de Nico López na pequena área. Os gaúchos seguiram apertando, enquanto os paranaenses evitavam o gol a todo custo. Só que, aos 50 minutos, Camilo cobrou falta certeira. A bola ainda bateu na trave e morreu no fundo do gol para decretar a vitória gaúcha.

COMO FICA

Com o resultado, o Paraná segue amargando na zona de rebaixamento, com apenas 14 pontos, na última posição, cinco pontos de distância do Vasco, primeiro fora da ZR. Já o Inter subiu para a liderança, com 38 pontos. Os gaúchos secam o São Paulo, que encara a Chapecoense, às 19h.

Na próxima rodada, o Paraná recebe o São Paulo, na quarta-feira (22), às 19h30 (de Brasília), na Vila Capanema. Enquanto o Inter encara o Bahia, no mesmo dia e horário, na Fonte Nova.

 

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.