Paraná quer matar Dragão para colar no G-4

Redação


Invicto há cinco partidas, o Paraná Clube entra em campo nesta terça-feira (7), às 19h15, na Vila Capanema, em Curitiba (PR), contra o Atlético-GO, vice-líder da Série B, com 15 pontos, disposto a encostar de vez no G-4, grupo que daria o acesso à Série A. Com nove pontos, na 12ª colocação, o Tricolor pode colar no G-4 em caso de vitória. Para esta partida, porém, Claudinei Oliveira deve manter Lucio Flávio no comando de ataque. Robert passaria a ser opção no banco.

Para o treinador, não há possibilidade de escalar os dois atacantes juntos, ainda que tenha deixado uma ponta de mistério. “Por característica, não pretendo começar o jogo com os dois. Mas, vamos esperar”, disse o treinador.

Já o goleiro Marcos, os volantes Lucas Otávio e Jean e o lateral-esquerdo Rafael Carioca ainda dependem de reavaliação do departamento médico. “Temos que agir com muita cautela. Uma lesão, agora, representa ausência em muitos jogos por conta dessa tabela”, avaliou.

Pelo Atlético-GO, que pode terminar a rodada como líder, desde que vença o Paraná e o Vasco tropece contra o Joinville, o goleiro Márcio e o lateral-direito Ednei seguem no departamento médico e ainda não estão liberados para jogarem. Com dores na coxa, o atacante Luís Soares também não vai participar da partida.

O técnico Marcelo Cabo deve montar sua equipe com apenas uma alteração, com o volante Michel, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, que será substituído por Bruno Barra, que fez sua estreia entrando no decorrer do último duelo.

FICHA TÉCNICA

PARANÁ X ATLÉTICO-GO

Local: Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Data: 07-06-2016
Horário: 19h15
Árbitro: Igor Júnio Benevenuto (MG).
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Sidimar dos Santos Meurer (MG).

Paraná: Marcos, Leandro Silva, Pitty, João Paulo e Rafael Carioca (Fernandes); Jean (Lucas Otávio), Anderson Uchoa, Valber, Diego Tavares e Marcelinho (Murilo); Lucio Flávio. Técnico: Claudinei Oliveira.

Atlético-GO: Marcos; Matheus Ribeiro, Marllon, Lino e Romário; Michel, Pedro Bambu, Magno Cruz e Luís Fernando: Luís Soares e Júnior Viçosa. Técnico: Marcelo Cabo.

 

Previous ArticleNext Article