Paranaense Miranda será capitão do Brasil em jogo decisivo

O zagueiro paranaense Miranda será o capitão da seleção brasileira no jogo decisivo contra a Sérvia, nesta quarta-feira ..

Francielly Azevedo - 26 de junho de 2018, 11:06

Foto: Lucas Figueiredo &#124 CBF
Foto: Lucas Figueiredo &#124 CBF

O zagueiro paranaense Miranda será o capitão da seleção brasileira no jogo decisivo contra a Sérvia, nesta quarta-feira (27), às 15h (de Brasília), em Moscou. O anúncio foi feito pelo técnico Tite nesta terça-feira (26). O jogo pela terceira e última rodada do Grupo E vale classificação para as oitavas de final

O treinador tem apostado no rodízio da braçadeira. Nos primeiros dois jogos no Mundial a liderança da equipe ficou com Marcelo, no empate com a Suíça, e com Thiago Silva, na vitória em cima da Costa Rica.

Essa é a quarta vez que Miranda ganha a responsabilidade de capitão. Ele, junto com Daniel Alves, é o atleta que mais vezes ocupou essa posição com Tite no comando. A última vez foi no amistoso contra a Áustria, último antes do mundial, quando o Brasil venceu por 3 a 0.

BICHO DO PARANÁ

Natural de Paranavaí, Miranda começou sua carreira no Coritiba, em 2004, subindo do time júnior direto para a equipe titular que disputou a Libertadores da América naquele ano.

Atualmente, defende o Football Club Internazionale Milano (ITA). Estreou na seleção em 01 de abril de 2009, na vitória do Brasil por  3 a 0 sobre o Peru, na Eliminatórias.

JOGO DECISIVO

O confronto com o sérvios definirá se o Brasil avança para as oitavas de final da Copa do Mundo, além da colocação na tabela. Atualmente, a seleção canarinho ocupa a primeira posição do Grupo E, com quatro pontos.

Para conseguir a classificação, basta vencer ou, pelo menos, empatar com a Sérvia. Porém, o empate não garante a primeira posição na tabela.

CAPITÃES DE TITE

4 jogos: Daniel Alves e Miranda (somada a partida contra a Sérvia);

2 jogos: Marcelo e Thiago Silva;

1 jogo: Paulinho, Casemiro, Marquinhos, Willian, Renato Augusto, Neymar, Philippe Coutinho, Alisson, Gabriel Jesus, Filipe Luís, Fernandinho e Robinho.