Paulo Autuori admite partida ruim e mantém Athletico na briga pela vaga

Pedro Melo

paulo-autuori-athletico

O diretor técnico Paulo Autuori admitiu a partida ruim do Athletico na derrota para o Melgar por 1 a 0, na noite desta terça-feira (03), pela terceira rodada da fase de grupos da Sul-Americana. A derrota deixou o Furacão em segundo lugar da chave, com seis pontos, três a menos que o time peruano.

“Nós não jogamos uma boa partida, não estivemos focados e concentrados. Não tivemos mudanças de direção e velocidade. Fomos passivos e parabéns ao adversário que ganhou a partida”, declarou Paulo Autuori, em entrevista coletiva.

Como apenas o líder de cada grupo avança para as oitavas da Sul-Americana, o Athletico ficou em situação complicada. Nos últimos três jogos, o Furacão terá que somar três pontos a mais que o Melgar e ainda superar o adversário no saldo de gols.

Para Autuori, a briga do Athletico pela classificação ainda não chegou ao fim. “As coisas só terminam após a sexta partida. Se terminasse hoje, ok, mas não existe ‘se’ no futebol. Todavia, temos três partidas e ainda vamos enfrentar o rival no nosso campo”, comentou.

“Eu creio que é muito cedo para dizer algo. Melgar jogou seu futebol, parabéns, mas ainda faltam três partidas. Não se ganha nada mais antes, nem se deixa de pensar que são três partidas que ainda vamos ter e Melgar também. Não tem como garantir quem vai passar, mas é claro que Melgar tem uma vantagem como todo mérito”, acrescentou o diretor.

O Athletico volta a jogar na Sul-Americana contra o Metropolitanos, na próxima terça-feira (11), às 19h15, em Caracas. Antes, o Furacão joga duas vezes pelo Paranaense no clássico contra o Coritiba, na quinta-feira (06), e diante do Maringá, no domingo (09).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="762231" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]