Neymar vai bem e PSG vira sobre a Atalanta para chegar à semi da Champions

Vinicius Cordeiro

psg neymar champions

Com virada nos acréscimos, o PSG venceu a Atalanta por 2 a 1 e está na semifinal da Champions League 19/20. Pašalić abriu o placar a favor dos italianos, mas Marquinhos e Choupo-Mouting definiram o triunfo nos minutos finais, Neymar foi o grande nome dos parisienses no primeiro tempo e teve participação efetiva nos dois gols.

O camisa 10 jogou bem, mas errou em duas finalizações que poderiam ter dado vantagem aos franceses. Mesmo assim, ele sai com moral após mais um bom desempenho e aumenta a confiança para a semi. O jogo desta quarta-feira (12) abriu os confrontos das quartas de final da Liga dos Campeões e foi realizado no estádio da Luz, em Portugal.

Essa foi a primeira vez que a Atalanta disputou a Champions em sua história. Ou seja, o time da cidade de Bérgamo já fez história de chegar até as quartas e saem com o sentimento de dever cumprido mesmo com a derrota de virada.

Já o PSG conquistou um belo presente no dia que completa 50 anos de história e segue sonhando com o título inédito. O time francês espera pelo vencedor entre RB Leipzig x Atlético de Madrid, que se enfrentam nesta quinta-feira (13).

NEYMAR PARTICIPA BEM, MAS ERRA NAS FINALIZAÇÕES 

Pašalić celebra o gol da Atalanta. (Divulgação/UEFA Champions League)

A Atalanta chegou com perigo nos minutos iniciais em um chute cruzado de Gómez, mas Navas defendeu bem. A resposta do PSG foi com uma chance claríssima de Neymar. Com o campo aberto, o camisa 10 arrancou pelo meio e saiu na cara do gol, mas bateu para fora.

Aos 10, os italianos pararam em Navas mais uma vez. Gómez recebeu na intermediária, cruzou e Hateboer cabeceou bem para outra defesa do goleiro.

Oito minutos mais tarde, Neymar entrou na área pela esquerda e desperdiçou boa chance. Ele ficou na dúvida entre chutar para o gol ou cruzar para Icardi e acabou mandando pela linha de fundo.

A Atalanta, com ímpeto ofensivo, chegou ao gol aos 26 minutos. Zapata dividiu com Kimpembe e a bola sobrou para Pasalic bater firme, com efeito, e balançar as redes.

O PSG respondeu bem, mas Neymar perdeu outras três oportunidades. Primeiro o brasileiro chutou de fora da área e viu a bola tirar tinta da trave. Depois foi em cobrança de falta, defendida por Sportiello. Já aos 44, Neymar aproveitou o vacilo de Hateboer, mas isolou a bola na finalização.

Na etapa final, Neymar seguiu como principal nome da equipe até os 15 minutos, quando Mbappé entrou no lugar de Sarabia. O francês deu nova dinâmica ao time, apesar da queda de rendimento de Neymar.

Mbappé e Neymar chutaram para a defesa do goleiro, mas Sportiello nada pode fazer aos 45 minutos. Choupo-Moting carregou pela direita e cruzou. Neymar foi travado por Hateboer e a bola ficou limpa para Marquinhos igualar o marcador.

O gol da vitória saiu no fim: Neymar deu belo passe em profundidade para Mbappé e o francês cruzou rasteiro para Chou-Moting completar para as redes e decretar o triunfo parisiense.

Previous ArticleNext Article