Renan Lodi fica de fora da seleção brasileira por não ter se vacinado, diz Tite

O lateral-esquerdo Renan Lodi, do Atlético de Madrid e revelado pelo Athletico, foi cortado da seleção brasileira por nã..

Vinicius Cordeiro - 13 de janeiro de 2022, 11:37

(Lucas Figueiredo/CBF)
(Lucas Figueiredo/CBF)

O lateral-esquerdo Renan Lodi, do Atlético de Madrid e revelado pelo Athletico, foi cortado da seleção brasileira por não ter tomado as duas doses da vacina contra a covid-19, de acordo com o técnico Tite. Apesar da expectativa, o jogador de 23 anos não está na convocação para os jogos contra Equador e Paraguai, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

"O Renan Lodi perdeu a possibilidade de concorrer em função de não ter se vacinado", disse Tite ao justificar as escolhas por Alex Sandro, da Juventus, e Alex Telles, do Manchester United, na posição.

Lodi está na Arábia Saudita para a disputa da Supercopa da Espanha com o Atlético de Madrid. Para entrar no país, é exigida pelo menos a primeira dose da vacina contra a covid.  No entanto, Tite voltou a ser questionado sobre o atleta e deixou o recado claro.

"Eu particularmente entendo que a vacinação é uma responsabilidade social. Segundo que o aspecto é das autoridades sanitárias", justificou Tite. Em seguida, o coordenador de seleções da CBF, Juninho Paulista, completou na coletiva.

"O Renan Lodi não poderia entrar no Equador e aqui no Brasil também tem as restrições. Ele teve a primeira dose no dia 10, então ele não estaria apto dentro das regras sanitárias dos países", disse Juninho.

Por fim, o ex-jogador César Sampaio, membro da comissão técnica de Tite, completou: "A seleção não obriga atletas a se vacinarem, nós respeitamos Tite e Juninho Paulista falaram sobre a situação de Renan Lodi. (Lucas Figueiredo/CBF)

CONVOCAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA PARA AS ELIMINATÓRIAS

Goleiros – Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras).

Laterais – Emerson (Tottenham) e Daniel Alves (Barcelona); Alex Sandro (Juventus) e Alex Telles (Manchester United)

Zagueiros – Eder Militão (Real Madrid), Gabriel Magalhães (Arsenal), Marquinhos (PSG) e Thiago Silva (Chelsea)

Meio campistas – Casemiro (Real Madrid), Bruno Guimarães (Lyon), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United), Gerson (Olympique de Marselha), Everton Ribeiro (Flamengo), Lucas Paquetá (Lyon) e Philippe Coutinho (Aston Villa);

Atacantes – Antony (Ajax), Gabigol (Flamengo), Gabriel Jesus (Manchester City), Matheus Cunha (Atlético de Madrid), Raphinha (Leeds), Rodrygo (Real Madrid) e Vinicius Junior (Real Madrid).