‘Mulher grávida faria gol no Grêmio’, diz Renato Gaúcho após eliminação na Libertadores

Vinicius Cordeiro

grêmio flamengo libertadores renato gaúcho

“Se bobear, até uma mulher grávida faria gol no Grêmio“. Essa foram as palavras mais fortes do técnico Renato Gaúcho na entrevista coletiva após a eliminação para o Flamengo na semifinal da Copa Libertadores. Os cariocas vão disputar a final contra o River Plate no dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile.

“Fomos muito abaixo do que a gente pode. Tivemos muitas falhas hoje. Se eles têm a oportunidade, vão matar. Os jogadores do nível do Flamengo não perdoam”, completou o comandante de 57 anos.

O time gremista não sofria uma goleada desde 2013, quando foi derrotado pelo Coritiba por 4 a 0.

Além disso, essa foi o pior resultado da história do Grêmio em uma edição da Libertadores.

RENATO GAÚCHO EXPLICA OPÇÃO POR ANDRÉ

O técnico Renato Gaúcho ainda justificou a escolha pelo atacante André, bastante criticado pela torcida, ter sido titular. Com a escolha, o experiente Diego Tardelli começou a partida no banco de reservas.

“Não vamos condenar o André pq o Grêmio não jogou bem. É sempre assim. Estou vacinado. O jogador não rende, começa a ser massacrado… Eu tenho que defender o jogador, o grupo. O Grêmio tem 11 jogos. Esse grupo que está ai que vamos tentar conquistar os quatro primeiros lugares no Campeonato Brasileiro. Não vou menosprezar ninguém”, disse ele.

“Fica os ensimanetos. Acima de tudo, que você não pode vacilar contra o Flamengo”, finalizou Renato.

O Grêmio agora se prepara para enfrentar o Botafogo. O duelo, válido pela 28ª rodada, está marcado para o próximo domingo (27), às 16h, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre.

FLAMENGO: MELHOR FUTEBOL E FINAL DA LIBERTADORES

Jorge Jesus vai se firmando como ídolo do Flamengo. (Divulgação / Libertadores)

Além de Renato Gaúcho, o meio campista Maicon também falou após a eliminação. Em entrevista ao Fox Sports, o jogador do Grêmio reconheceu que o Flamengo vai apresentando o melhor futebol.

“Aqui no Brasil, futebol é resultado. Flamengo está na final da Libertadores e é líder do Brasileiro, não tem o que você discutir”, declarou.

“A gente sabe que tem muita qualidade. Estávamos jogando de igual para igual. Eles tem uma equipe qualificada e não estão ganhando os jogos à toa. Estamos em um nível muito alto, é nosso terceiro ano seguido em uma semifinal da Libertadores”, completou, lamentando a derrota.

A final da Libertadores está marcada para o dia 23 de novembro, em Santiago, no Chile.

Apesar das manifestações e protestos que ocorrem na capital chilena, o vice-diretor do Flamengo, Márcio Braz, falou que o Flamengo segue a programação definida pela Conmebol.

“Por enquanto está em Santiago. Tenho absoluta certaza que vá se ter uma tranquilidade maior. Flamengo não tem nenhum desconforto ou medo de ir para o Chile”, finalizou.

Para fechar, o dirigente afirmou que ainda não está nada ganho.

“A gente sempre fica feliz com o resultado desse, que não tem muito o que discutir. A grande verdade é que não ganhamos nada. Temos um jogo importantíssimo contra o River… E é isso. Tudo que a gente fez nesses meses, vamos fazer nos próximos dias para que esteja tudo bem no Chile”, finalizou.

“Por enquanto está em Santiago. Tenho absoluta certaza que vá se ter uma tranquilidade maior. Flamengo não tem nenhum desconforto ou medo de ir para o Chile”, finalizou.

 

Previous ArticleNext Article