Ruidíaz aplica Mano de Dios e elimina Brasil da Copa América

O Brasil sentiu o gosto amargo de ter levado um gol de mão do ex-Coritiba, Raul Ruidíaz. Com o gol irregular dele, aos 2..

Redação - 13 de junho de 2016, 00:41

O Brasil sentiu o gosto amargo de ter levado um gol de mão do ex-Coritiba, Raul Ruidíaz. Com o gol irregular dele, aos 29 minutos da etapa final, o Peru venceu o Brasil e eliminou a seleção da Copa América Centenária, em Boston, Estados Unidos.

Apesar da polêmica, o Brasil voltou a mostrar defeitos em sua transição do meio para a frente. Além disso, o árbitro Andrés Cunha mostrou fraqueza ao não marcar dois pênaltis -um para cada lado - e na indecisão para validar ou não o gol polêmico.

Com o resultado, o Peru terminou a primeira fase como líder com sete pontos e o Equador em segundo com cinco, enquanto o Brasil, eliminado, ficou com apenas quatro. O Peru enfrentará a Colômbia e o Equador os Estados Unidos.

 

Ficha técnica

Copa América Centenário - Grupo B 

Brasil - Perú 

Estadio: Gillette (Foxborough, Masachussetts)

Público: 36.187

Árbitro: Andrés Cunha (Uruguai). Líneas: Nicolás Taran y Richard Trinidad. (Uruguai)

Gol: Perú: Raúl Ruidíaz (29' segundo tempo)

Cartões amarelos: Lucas Lima e Renato Augusto

Brasil: Alisson - Dani Alves, Gil, Miranda, Filipe Luis - Lucas Lima - Willian, Elias, Renato Augusto, Philippe Coutinho - Gabriel (Hulk). DT: Carlos Dunga.

Perú: Pedro Gallese - Christian Ramos, Aldo Corzo, Alberto Rodríguez y Miguel Trauco - Óscar Vílchez e Adán Balbín (Yoshimar Yotún) - Andy Polo, Christian Cueva (Renato Tapia) e Edison Flores (Raúl Ruidíaz) - Paolo Guerrero. DT: Ricardo Gareca.