Rússia não facilita, leva para os pênaltis, mas Croácia passa para semi

Francielly Azevedo


A Croácia é a última seleção com vaga garantida na semifinal da Copa do Mundo. Os croatas avançaram na competição ao eliminar a anfitriã Rússia nos pênaltis, em Sochi, neste sábado (7). A partida que era tida como “fácil” para equipe da camisa quadriculada, não foi bem assim. Os russos dificultaram, saíram na frente e já na prorrogação empataram, em 2 a 2, levando o duelo para as penalidades, quando a Croácia foi melhor e venceu por 4 a 3.

No duelo, a Croácia entrou como favorita para levar a vaga. Mas demorou a se encontrar em campo. Foi necessário cerca de 10 minutos para o jogo ganhar a configuração esperada: croatas no ataque e russos na defesa.

Mas foi a Rússia quem abriu o placar, aos 30 minutos. Dzyuba triangulou e passou para Cheryshev na entrada da área. O meia marcou um golaço de perna canhota, colocando a bola na gaveta.

A resposta croata demorou nove minutos. Aos 39, o time desceu rápido com Mandzukic pela esquerda. O centroavante foi até o fundo e cruzou. Kramaric antecipou a marcação e deixou tudo igual.

No segundo tempo, os russos tiveram um apagão e contaram um pouco com a sorte nos minutos iniciais. Perisic até carimbou a trave, mas não conseguiu a virada naquele momento.

O jogo seguiu com a Croácia mais imponente, mas não foi resolvido no tempo regular. Já na prorrogação, aos nove da primeira parte, após escanteio, Vida subiu alto e testou para baixo. Corluka fugiu do desvio e a bola terminou no fundo das redes, deixando os croatas na frente.

Mas nem tudo estava perdido e a Rússia estava viva. Aos nove do segundo tempo, Dzagoev cruzou e Mario Fernandes só teve o trabalho de subir e desviar para levar a decisão para os pênaltis.

Nas penalidades, a Rússia foi a primeira a bater, mas o goleiro Subasic defendeu o chute de Smolov. Na primeira cobrança croata, Brozovic não desperdiçou.

Dzagoev acertou para os russos e Afinfev defendeu o chute de Kovacic. Com tudo igual, Mario Fernandes errou o pênalti para Rússia, mandando para fora.

Após isso, mais quatro pênaltis marcados e convertidos Modric e Vida para os croatas e Ignashevich e Kuzyaev para a Rússia. Mas a vaga não era da anfitriã e, por fim, com Ratikic os croatas garantiram a vaga na semifinal da Copa do Mundo.

A equipe agora enfrenta a Inglaterra na próxima quarta-feira (11), às 15h (de Brasília), em Lujniki.

 

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="535020" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]