Santos vence o Papão pela Copa BR e Flu tropeça no Brasil

Redação


O Santos saiu na frente na partida de ida pela Copa do Brasil. O time praiano venceu o Paysandu por 2 a 0, na Vila Belmiro, pela competição e abriu boa vantagem para o jogo de volta. Com os gols de Bruno Henrique e Copete, o Santos pode empatar ou até perder por um gol de diferença, que garante a vaga para as quartas. Já o Fluminense tropeçou pela Primeira Liga diante do Brasil de Pelotas e não saiu do empate por um gol.

A equipe santista segurou o Paysandu nos primeiros minutos de jogo e levou perigo com Ricardo Oliveira, aos 10 jogados. Após lançamento de Lucas Lima, Bruno Henrique driblou o zagueiro e tocou para o capitão, mas Oliveira bateu firme mas foi travado pela marcação.

Na segunda etapa, logo aos 3 minutos, Bruno Henrique bateu na ponta da grande área e acertou o ângulo do Papão, sem chances de defesa para Emerson.

O Peixe conseguiu ampliar aos 44 minutos em uma “jogada colombiana”. Após cruzamento de Vladimir Hernándes, em cobrança de falta, Copete subiu sozinho para cabecear e ampliar o marcador.

No Rio, o Fluminense se classificou na Primeira Liga, mesmo com o empate contra os gaúchos. Aos 21, Rodrigo Silva tentou dominar um passe de escanteio, não conseguiu, mas sobrou para Juninho chutar forte e abrir o marcador.

O empate chegou no segundo tempo, aos oito minutos, Maranhão cruzou da direita para Danielzinho, que desviou de cabeça no lado direito de Eduardo Martini.

Santos FC 2 x 0 Paysandu
Local: Vila Belmiro
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Auxiliares: Celso Luiz da Silva (MG) e Felipe Alan Costa de Oliveira (MG)
Santos FC: Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Matheus Ribeiro (Copete); Renato, Thiago Maia e Lucas Lima (Vladimir Hernández); Vitor Bueno (Arthur Gomes), Ricardo Oliveira e Bruno Henrique. Técnico: Dorival Júnior.

Paysandu: Emerson; Ayrton, Perema, Gilvan e Hayner; Augusto Recife, Wesley e Rodrigo Andrade (Diogo Oliveira); Leandro Carvalho (Jhonnatan), Bérgson e Alfredo (Leandro Cearense). Técnico: Marcelo Chamusca.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="427316" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]