Santos passa sufoco desnecessário, mas vence Sport em jogo movimentado da Série A

Vinicius Cordeiro

Cartola FC: Escalação e dicas para pontos e cartoletas na 30ª rodada do Brasileiro

Em um jogo intenso, o Santos derrotou o Sport por 4 a 2 pela 23ª rodada do Brasileirão 2020. Marinho, de pênalti, e Lucas Braga colocaram o Peixe em vantagem, mas Marquinhos e Leandro Barcia igualaram ainda no primeiro tempo. Na etapa final, Bruninho e Soteldo, em cobrança de pênalti, garantiram o resultado favorável aos donos da Vila Belmiro.

Com o resultado, o Santos chegou a 37 pontos e aparece na quinta posição da tabela. O time agora torce contra Internacional e Fluminense, que ainda entram em campo nesta rodada. O Inter encara o Atlético-GO às 21h enquanto o Flu pega o Bragantino na segunda-feira (30).

Do outro lado, o Sport amargou a terceira derrota seguida e permanece com 25 pontos. O Leão é o primeiro clube fora da zona de rebaixamento e torce por um tropeço do Vasco diante do Ceará na segunda para não ser ultrapassado.

Agora o Santos se prepara para o duelo contra a LDU, pela Libertadores. O confronto decisivo acontece na próxima terça-feira (1), às 19h15, na Vila Belmiro. Na ida, os santistas venceram por 2 a 1 no Equador e agora têm a vantagem do empate.

Pelo Brasileirão, as duas equipes só atuam no outro final de semana. O Santos terá um clássico pela frente e vai receber o Palmeiras no domingo (6), às 16h. No mesmo dia, só que às 20h30, o Sport visita o São Paulo no Morumbi.

SANTOS E SPORT FAZEM JOGO MOVIMENTADO NA SÉRIE A

Marquinhos anotou o primeiro gol dos visitantes. (Gustavo Amorim/Sport)

A pressão inicial do Santos surtiu efeito e a vitória foi encaminhada logo no início da partida. Aos cinco minutos, Marinho soltou uma pancada na cobrança de falta e a bola bate no braço de Adryelson. O árbitro Wilton Pereira Sampaio foi à cabine do VAR para rever o lance e assinalou pênalti para os donos da casa.

Na cobrança, Marinho bateu firme e superou o goleiro Luan Polli para abrir o marcador.

O segundo gol saiu aos 11 minutos. Diego Pituca levantou a bola na direção da área, Lucas Veríssimo desviou e deixou Lucas Braga na cara do gol para marcar. O Sport pediu impedimento na jogada, mas o VAR confirmou o gol após conferir que o lateral Júnior Tavares dava condição.

Mesmo com a desvantagem, o Sport aproveitou o relaxamento do Santos e reagiu. Em um arremesso rápido, aos 27 minutos, Patric recebeu perto da área e tocou para Marquinhos completar para o fundo das redes. Já aos 45, Lucas Mugni cruzou da esquerda e Leandro Barcia cabeceou firme para igualar o marcador.

Na etapa final, o gol da vitória do Santos saiu aos 25. Bruninho, jovem formado nas categorias de base do clube, entrou no lugar de Kaio Jorge e marcou seu primeiro gol com apenas cinco minutos em campo. Com 1,94 metro, ele subiu e cabeceou bem após o cruzamento de Marinho para dar a vitória ao Peixe.

Já aos 34, o placar ficou mais elástico. Marinho foi derrubado por Júnior Tavares dentro da área, mas deixou a cobrança para Soteldo. O venezuelano bateu com categoria e cravou o 4 a 2.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="731279" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]