Seleção brasileira tem novidades para o jogo com o Uruguai; veja o provável time

Pedro Melo

Seleção brasileira Neymar Tite escalação Brasil Uruguai Eliminatórias

A seleção brasileira terá cinco novidades na escalação para a partida contra o Uruguai, nesta quinta-feira (14), às 21h30, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo. Com Neymar confirmado, o técnico Tite vai disputar o clássico com cinco mudanças.

Durante o último treinamento na Arena da Amazônia, em Manaus, Tite treinou a equipe com novidades em todos os setores do campo: Ederson, Emerson Royal, Lucas Veríssimo, Thiago Silva e Raphinha entram nos lugares de Alisson, Danilo, Marquinhos, Eder Militão e Gabriel.

A principal novidade na seleção brasileira é a presença de Raphinha, atacante do Leeds United, na vaga de Gabriel Barbosa. “Ele é jogador externo que dá amplitude, velocidade. Tem jogada de linha de fundo com cruzamento para trás, como aconteceu com Neymar. Finalização de média distância. Mas com calma, senão dá expectativa em demasia. Vocês ficam falando, daqui a pouco a gente escala todo mundo. Com calma”, elogiou Tite.

Apesar do treinador não confirmar o time na entrevista antes do jogo, a seleção brasileira deve jogar com Ederson, Emerson Royal, Lucas Veríssimo, Thiago Silva e Alex Sandro; Fabinho, Fred e Lucas Paquetá; Raphinha, Gabriel Jesus e Neymar.

A seleção brasileira perdeu os 100% de aproveitamento após o empate em 0 a 0 com a Colômbia, mas lidera de maneira isolada as Eliminatórias. O Brasil tem 28 pontos, campanha de nove vitórias e um empate, 13 a mais que a Colômbia, hoje na zona da repescagem.

FICHA TÉCNICA – BRASIL X URUGUAI

Onde assistir à seleção brasileira ao vivo: Globo e SporTV.

Data, horário e local: quinta-feira (14/10), às 21h30 (horário de Brasília), na Arena da Amazônia, em Manaus (AM).

Brasil: Ederson, Emerson Royal, Lucas Veríssimo, Thiago Silva e Alex Sandro; Fabinho, Fred e Lucas Paquetá; Raphinha, Gabriel Jesus e Neymar. Técnico: Tite.

Uruguai: Muslera; Nández, Coates, Godín e Piquerez; Valverde, Vecino e Bentancur; De la Cruz; Luis Suárez e Cavani. Técnico: Óscar Tabárez.

Arbitragem: Fernando Rapallini (ARG), auxiliado por Juan Bellati (ARG) e Diego Bonfa (ARG). O árbitro de vídeo é Mauro Vigliano (ARG).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="796385" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]