Série B: Fora de casa, Paraná sofre gol-relâmpago e perde do Botafogo-SP

Rafael Nascimento


Com um gol sofrido logo no primeiro minuto de jogo, o Paraná Clube foi derrotado na noite desta sexta-feira (2) pelo Botafogo-SP: 1 a 0. A partida foi disputada no estádio Santa Cruz e foi válida pela 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Nos 89 minutos seguintes, mais acréscimos, o Tricolor buscou o resultado, mas teve dificuldades na criação das jogadas.

Rafinha foi o autor do gol da vitória do Pantera – a segunda seguida da equipe na competição. 

No segundo tempo, a partida ficou paralisada por 21 minutos devido à queda de energia no Santão.

Com os três pontos, o time paulista ganha quatro posições na tabela e agora é o 12º colocado, com 14 pontos.

Já o Paraná Clube, que não vence há três jogos, permanece na vice-liderança, com 22 pontos, mas vê os adversários se aproximarem.

 

O Paraná Clube volta a campo na terça-feira (6) às 19h15, contra o Náutico. A partida acontece na Vila Capanema, em Curitiba. No mesmo dia, mas às 17h, o Botafogo-SP visita a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó.

GOL-RELÂMPAGO E LUZ DE BOATE NO SANTÃO

Depois de dois empates consecutivos por 1 a 1, contra Pelotas e Chapecoense e que lhe custaram a possibilidade de tirar a liderança do Cuiabá, o Paraná Clube buscava retomar o caminho das vitórias.

Só que logo no primeiro minuto de jogo, o Pantera subiu ao ataque e balançou as redes. Após cobrança de escanteio de Gilson, Rafinha escorou de cabeça e venceu o goleiro Alisson.

Recuperado do gol-relâmpago, o Tricolor teve sua primeira chance nos pés de Jean Victor, que apareceu bem pela esquerda e arrematou tirando tinta da trave de Darley. Bruno Gomes, após boa finalização, também exigiu trabalho de Darley.

Com mais posse de bola, o Paraná Clube seguiu rondando a área do time do interior paulista, mas as investidas esbarravam na zaga adversária.

Ainda no primeiro tempo, os donos da casa tiveram chance de ampliar o placar. Após cobrança de escanteio de Matheus Anjos, Jhony Douglas colocou o braço na bola e o árbitro marcou o pênalti. O mesmo Matheus Anjos cobrou no meio do gol e Alisson fez a defesa com os pés.

Assim como no primeiro tempo, com um minuto da etapa final o Botafogo-SP se impôs mas, dessa vez, não marcou. Ronald desceu em velocidade pelo lado direito e serviu Rafinha, mas Paulo Henrique cortou em cima da linha.

Bem marcado, Renan Bressan não conseguia dar dinâmica na construção das jogadas, e as principais investidas do Tricolor passavam pelas extremidades, com o apoio dos laterais.Em uma delas, Paulo Henrique alçou a bola na cabeça de Andrey, mas a zaga evitou o jogo.

Com 21 min, o jogo foi interrompido por conta da queda de energia no Santa Cruz. 

A parada forçada até a luz ser restabelecida, de 21 min, fez bem ao time da casa, que passou a pressionar o Paraná Clube.

O Botafogo-SP ainda teve um jogador expulso na reta final do jogo, mas o placar permaneceu inalterado.

Previous ArticleNext Article