STJD pega leve e Autuori e Weverton estão liberados

Redação


O técnico Paulo Autuori e Weverton foram julgados pelo Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) na terça (7), por causa dos problemas ocorridos durante a partida contra o Atlético-MG, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Autuori foi advertido, por causa de xingamentos ao árbitro; Weverton absolvido, pelas insinuações e o clube pagará multa de R$ 1,5 mil por causa de uma garrafa plástica arremessada.

Autuori recebeu a advertência por “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva” (artigo 258). Segundo a súmula do duelo do dia 22 de maio, o juiz Flávio Rodrigues de Souza afirma que Autuori, além de reclamar, disparou algumas ofensas. “Vocês são uns m…, c…, não marcam uma para mim”, segundo o documento pós-jogo.

No dia, o treinador chegou a colocar em jogo sua carreira de técnico, desde que o auxiliar provasse que ele xingou o árbitro em algum momento. “Ele está mentindo”, repetiu várias vezes o treinador.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="362851" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]