Técnico do Athletico diz que gramado ‘limitou’ equipe em derrota para o Cianorte

Redação

athletico técnico cianorte campeonato paranaense

O técnico português António Oliveira, que comanda o time de aspirantes do Athletico no Campeonato Paranaense 2021, atribuiu a derrota diante do Cianorte ao gramado pesado do estádio Albino Turbay.

“Nós nunca nos agarramos a desculpas, nós aqui tentamos os resultados. Não só em termos desportivos, mas em termos pessoais. É evidente que o gramado foi algo que nos limitou muito, porque favoreceu mais a dimensão física do adversário e menos a condição técnica dos nossos jogadores”, disse ele.

O comandante, que atuava como auxiliar de Paulo Autuori na reta final do Campeonato Brasileiro, também reconheceu que o sistema ofensivo do Athletico não funcionou. O setor de ataque foi composto pelo meia Matheus Anjos e os atacantes Jajá, Reinaldo e Guilherme Bissoli. Todos tiveram atuação abaixo do esperado e foram substituídos no decorrer do jogo.

“É evidente que pedi a aceleração de velocidade na circulação da bola, mas muitas vezes, quase sempre, o gramado provocou a desaceleração do mesmo ritmo de jogo. Portanto, eram as circunstâncias que tínhamos de jogar e tivemos que constantemente nos readaptar ao jogo para características que não favoreciam claramente a nossa equipe e ao estilo de jogo que ela costuma fazer”, completou ele.

O Athletico agora deve ter um tempo de preparo maior, já que a SMS (Secretaria Municipal da Saúde) vetou a realização de jogos do Estadual até o dia 8 de março, quando acaba a vigência do decreto estadual.

Conforme a tabela inicial, o próximo adversário do Furacão seria o Operário na quinta-feira (3), às 19h15, na Arena da Baixada. No entanto, a FPF (Federação Paranaense de Futebol) deve oficializar o adiamento dos confrontos da segunda rodada.

“As derrotas para nós nunca são normais e, para o Athletico, nunca podem ser normais. Servem como momentos de aprendizagem, evolução e crescimento desta equipe. Nós tivemos três ou quatro vezes o grupo todo junto para preparar para esse primeiro jogo. É evidente que agora, com as férias da equipe principal, vai dar para termos um elenco completo e a equipe vai cada vez mais entrosar, conhecer a si própria”, concluiu o técnico António Oliveira.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="748202" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]