Thiago Wild vence de virada e avança às oitavas do ATP 500 de Hamburgo

Pedro Melo

Thiago Wild ATP 500 Hamburgo

Thiago Wild se classificou para as oitavas de final da ATP 500 de Hamburgo, na Alemanha. O tenista paranaense venceu de virada o espanhol Nicola Kuhn, convidado da organização, por 2 sets a 1, parciais de 1-6, 6-1 e 6-2, em 1h58min de partida.

Wild começou mal na partida e perdia por 6-1 e 1-0, com uma quebra atrás no segundo set, antes de começar a reação. O brasileiro venceu 12 dos últimos 14 games para garantir a virada. No último game, ele passou mal e precisou ser atendido pelo médico antes de fechar a partida.

Essa foi a primeira vitória do número dois do Brasil em torneio da ATP desde a final em Santiago, no Chile, no início de março de 2020, dias antes da paralisação do esporte por conta da pandemia. No retorno do tênis, o paranaense disputou outras competições, passou pelos qualis no Masters 1000 de Miami e do ATP 250 de Lyon, mas perdeu na primeira rodada.

Em busca da vaga nas quartas de final do ATP 500 de Hamburgo, Thiago Wild encara o vencedor do confronto entre o alemão Jan-Lennard Struff, cabeça de chave sete, e o sérvio Laslo Djere. O brasileiro nunca enfrentou os dois tenistas.

THIAGO MONTEIRO PERDE NA SUÉCIA

Ao contrário de Thiago Wild, Thiago Monteiro não teve a mesma sorte na estreia do ATP 250 de Bastad, na Suécia. O número um do Brasil no ranking da ATP perdeu para o alemão Yannick Hanfmann por 6-2 e 7-5. Ele sofreu a quarta derrota consecutiva e pode até deixar o top 100 nas próximas semanas. Esse foi o último torneio do cearense antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="775031" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]