Time de roller derby tem equipamentos furtados e galpão invadido às vésperas do Brasileirão

A equipe paranaense Blue Jay Rollers teve os equipamentos furtados a dois dias do Campeonato Brasileiro de Roller Derby...

Francielly Azevedo - 31 de outubro de 2018, 22:58

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A equipe paranaense Blue Jay Rollers teve os equipamentos furtados a dois dias do Campeonato Brasileiro de Roller Derby. Entre o último domingo (28) e esta terça-feira (30), bandidos invadiram o local de treino do time, no bairro Iná, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. Além da fiação elétrica do galpão, patins e equipamentos foram levados do local.

Itens de proteção, como joelheiras, capacetes, cotoveleiras e protetor bucal são obrigatórios para a prática do esporte. As atletas buscam informações sobre os equipamentos roubados. “Nossos equipamentos não são muito comuns, então qualquer informação é muito bem vinda”, diz Mari Pypcak, integrante do time.

Informações sobre os equipamentos furtados estão sendo divulgadas nas redes sociais do time. Atuais vice-campeãs brasileiras, as Blue Jay Rollers viajam para São Paulo, nesta quinta-feira (1), para disputar o 7º Brasileirão de Roller Derby.

Uma força-tarefa junto a times rivais foi organizada para garantir que todas as atletas tenham equipamentos para a disputa da competição. Mesmo próximo do campeonato, o time já começou a arrecadar fundos para repor as perdas da equipe através de uma vakinha online.

Além dos equipamentos, toda a parte elétrica do barracão deve ser reconstruída. Conforme a equipe, a desconfiança é de que os bandidos tenham entrado no local em busca de fios de cobre.

BLUE JAY ROLLERS

A liga Blue Jay Rollers foi fundada em Curitiba, no ano de 2011. Única liga de roller derby em funcionamento no Paraná, a equipe se mantém pela mensalidade paga pelas atletas, pela venda de produtos demerchandising ligados ao esporte e realização de ações como festas e rifas.

Conhecidas como "gralhas", as Blue Jays participaram pela primeira vez do Campeonato Brasileiro de Roller Derby, com time competitivo, em 2016. No ano seguinte (2017) foram vice-campeãs nacionais.

No início de 2018 o time se fixou em um galpão industrial, em São José dos Pinhais. Reformado pelas próprias atletas, se tornou o primeiro espaço no país dedicado exclusivamente ao roller derby.

MODALIDADE

O roller derby é um esporte de contato, em que dois times de cinco jogadoras se enfrentam em uma pista oval. A jammer ("atacante") de uma equipe tenta ultrapassar as bloqueadoras do time adversário.

A pontuação se dá pelo número de jogadoras do time adversário que a jammer ultrapassa. Assim como no futebol americano, o jogo é dividido em "campanhas" ("jams"), de dois minutos cada, com intervalos de 30 segundos entre eles. Ambos times atacam e defendem ao mesmo tempo.