Tite descarta favoritismo e defende Neymar após partida contra México

O técnico da seleção, Tite, defendeu o atacante Neymar e descartou o favoritismo da equipe no Mundial. Com a vitória dia..

Folhapress - 02 de julho de 2018, 15:43

Convocação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo da Rússia. Lucas Figueiredo/CBF
Convocação da Seleção Brasileira para a Copa do Mundo da Rússia. Lucas Figueiredo/CBF

O técnico da seleção, Tite, defendeu o atacante Neymar e descartou o favoritismo da equipe no Mundial. Com a vitória diante do México, por 2 a 0, a seleção obteve vaga nas quartas de final da Copa da Rússia. O próximo adversário será definido ainda nesta segunda (2) no confronto entre Bélgica e Japão. O jogo será na sexta (6) em Kazan.

"O nível que atingimos é para as quartas . Tem que ficar focado. Quando gastamos energia em outras situações que não seja jogar, perde o foco. Ele gosta de jogar, gosta do drible, às vezes tem incompreensão dos adversários porque é muito ágil, rápido. É pecado driblar no último terço? Buscar jogada individual? O técnico busca isso. Ao mesmo tempo procuram tirar foco dele, por isso eu disse que nós falamos de arbitragem, para outros técnicos. A responsabilidade dele é jogar, felizmente ele está entendendo", disse o treinador.

A partida em Samara foi a quinta de Neymar após a cirurgia no pé direito, realizada em março. "No jogo anterior a esse ele jogou muito e repetiu o padrão de atuação pelo jogador de excelência que ele é", disse o treinador.

Para o segundo mata-mata, Tite não contará com Casemiro, suspenso, e ainda não sabe se poderá escalar o lateral Marcelo, que ficou de fora da partida em Samara.

Ele se recupera de dores nas costas.