Balde d’água para apagar sonho olímpico

Redação


Marcelino Proença, 27 anos, quis ter um domingo diferente e ter seus minutos de fama. E conseguiu.  Ele foi preso em flagrante em Maracaju (160 quilômetros de Campo Grande, MS), na manhã de domingo (26) depois de tentar apagar com um balde de água a chama olímpica, símbolo das Olimpíadas do Rio 2016 e molhou parte da equipe que acompanhava o percurso. Segundo a PM de Maracaju, ele se aproximou dos condutores e jogou um balde de água quando a tocha passava pela Centro da cidade.

> Tocha olímpica desembarca no Paraná nesta terça-feira

Aproveitando o grande número de pessoas que estava no local, Marcelino conseguiu fugir, mas as pessoas informaram à Polícia e com a descrição das roupas ele foi identificado e detido. Ao ver os policiais ele entrou dentro de casa, mas a própria mãe liberou a entrada dos PM’s em sua residência.

Segundo informações do site Maracaju Speed, o rapaz disse que era apenas uma “brincadeira”. O delegado responsável arbitrou uma fiança de R$ 1 mil para a liberação do jovem. Acompanhe a gravação de Luciano Oliveira.

tocha

 

https://www.youtube.com/watch?v=9AwAOKwdVfU

Previous ArticleNext Article