Vasco vence Sport na estreia com noite inspirada de Fellipe Bastos

Jorge de Sousa

Vasco vence Sport na estreia com noite inspirada de Felipe Bastos

Com dois gols de Fellipe Bastos, o Vasco da Gama bateu o Sport por 2 a 0 na noite desta quinta-feira e estrou com vitória no Campeonato Brasileiro.

O duelo foi realizado em São Januário, no Rio de Janeiro, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Ambas as equipes somam agora três pontos conquistados no Campeonato Brasileiro, embora o Vasco da Gama tenha um jogo a menos que o Sport.

As duas equipes entram em campo neste domingo (16) pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

O Vasco da Gama recebe o São Paulo, às 16h, enquanto o Sport viaja para Goiânia encarar o Atlético Goianiense, às 19h30.

FELIPE BASTOS DESENCANTA E GARANTE VITÓRIA DO VASCO

O Vasco da Gama começou melhor a partida e quase abriu o placar aos quatro minutos. Germán Cano foi lançado na área e finalizou firme, mas Adryelson conseguiu desviar o remate com carrinho.

Aos seis minutos, Yago Pikachu quase marcou um gol estranho. O lateral tentou cruzar, mas a bola foi fechada e Maílson deu um tapa para escanteio.

Só que dois minutos depois, o Vasco conseguiu abrir o placar. Benítez fez bela jogada pela esquerda e rolou para a entrada da área. Fellipe Bastos chegou batendo de primeira para balançar as redes.

Fellipe Bastos seguiu inspirado e quase marcou um golaço aos 29 minutos. Em cobrança de falta da intermediária, o meia acertou o travessão de Maílson.

A bola parada do Vasco da Gama seguiu perigosa e a equipe ampliou o placar aos 31 minutos. Fellipe Bastos foi para a cobrança na meia-lua da área e acertou o ângulo esquerdo.

O segundo tempo começou e o Vasco da Gama seguiu criando as principais chances de gol. Aos dois minutos, Benítez recebeu de Talles Magno e arriscou da entrada da área. Maílson espalmou para a linha de fundo.

No minuto seguinte, Fellipe Bastos novamente ficou perto do gol. O meia arriscou da intermediária, mas Maílson conseguiu mandar para escanteio.

A primeira boa chance do Sport foi aos 20 minutos. Bruninho cobrou falta da intermediária com estilo, mas Fernando Miguel fez bela defesa e evitou o gol.

O Sport chegou novamente com a bola parada aos 40 minutos. Após escanteio de Bruninho, Iago Maidana apareceu livre na pequena área e cabeceou no poste direito.

Aos 52 minutos, Ronaldo Silva deixou o cotovelo no peito de Bruno Gomes e foi expulso pelo árbitro Rodolpho Toski Marques após conferência no VAR.

LEIA MAIS: RB Leipzig elimina Atlético de Madrid e encara o PSG na semi da Champions

Previous ArticleNext Article