Flamengo vira sobre o Vasco e assume liderança do Brasileiro

Jorge de Sousa

Flamengo vira sobre o Vasco e assume liderança do Brasileiro

O Flamengo venceu o Vasco de virada por 2 a 1 na tarde deste sábado (10) e assumiu provisoriamente a liderança do Campeonato Brasileiro.

Talles Magno abriu o placar para o Vasco, enquanto Léo Pereira e Bruno Henrique viraram para o Flamengo.

O duelo foi realizado em São Januário, no Rio de Janeiro, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

A vitória deixa o Flamengo com 29 pontos, dois acima do Atlético Mineiro. O Galo joga ainda neste sábado contra o Goiás no Mineirão. Já o Vasco soma a terceira derrota seguida e fica estacionado na décima posição com 18 pontos.

O Flamengo volta a campo nesta quinta-feira (15) em duelo válido pela 16ª rodada, contra o RB Bragantino, no Maracanã, às 20h. O Vasco vai atuar apenas no próximo domingo (18), em confronto contra o Internacional no Beira-Rio, às 16h, em jogo da 17ª rodada.

FLAMENGO BUSCA A VIRADA NO SEGUNDO TEMPO

O Vasco conseguiu abrir o placar logo aos oito minutos. Bruno Henrique errou passe para Filipe Luísa, Cayo Tenório roubou a bola e cruzou rasteiro para Talles Magno completar para o gol no segundo poste.

Leandro Castan salvou o Vasco aos 17 minutos. Pedro rolou para Bruno Henrique na lateral da área, o atacante cortou para o meio e finalizou firme, mas Castan conseguiu travar de carrinho.

Nova chance do Vasco aos 31 minutos. Benítez arriscou chute cruzado da área e Hugo Souza espalmou com a ponta dos dedos para a linha de fundo.

A primeira finalização para o gol do Flamengo saiu apenas aos 33 minutos. Diego arriscou da intermediária, mas a bola saiu fraca e Fernando Miguel fez tranquila defesa.

A principal chance do Flamengo saiu aos 38 minutos. Bruno Henrique invadiu a área pela esquerda, adiantou a bola e tentou a cavadinha, mas Miranda afastou de peito a finalização quase em cima da linha de gol.

Matheuzinho quase empatou o jogo aos 47 minutos. Após escanteio cobrado por Diego na direita, a zaga do Vasco afastou para a entrada da área e o lateral emendou de primeira e o chute passou à esquerda do gol.

O Flamengo conseguiu empatar o jogo logo aos dois minutos do segundo tempo. Diego cobrou falta da direita e Léo Pereira desviou de costas para o gol, com a bola caindo no canto direito de Fernando Miguel.

A resposta do Vasco veio no minuto seguinte. Cayo Tenório cruzou da direita e Leandro Castan apareceu livre para escorar na pequena área, mas a cabeçada saiu no meio do gol e Hugo Souza fez a defesa.

O segundo gol do Vasco ficou maduro aos 16 minutos. Talles Magno cruzou para trás e Carlinho pegou firme na bola, só que a bola explodiu em Germán Cano quase na linha de gol e foi afastada pela zaga do Flamengo.

Mas quem marcou o segundo gol foi o Flamengo. Thiago Maia fez lançamento do meio de campo, Bruno Henrique tenta o domínio na área, Fernando Miguel não segura a bola e o atacante limpa a jogada e bate firme. A bola tocou no poste esquerdo, antes de entrar na meta.

Só que o Vasco contava com o talento de Germán Cano. Primeiro aos 38 minutos, o centroavante recebeu na área, fez o giro e bateu cruzado para Hugo Souza espalmar.

Já aos 39 minutos, Benítez lançou Guilherme Parede e o atacante rolou para Germán Cano apenas empurrar para o fundo das redes e empatar a partida.

O VAR chamou o árbitro Flavio Rodrigues de Souza e apontou que Parede estava com o ombro na frente de Filipe Luís e por isso o gol foi anulado.

A última chance do Vasco saiu aos 50 do segundo tempo. Benítez bateu falta da esquerda e Gabriel Pec cabeceou perto do travessão no segundo poste.

LEIA MAIS: Bruno Soares perde final das duplas e fica com o vice em Roland Garros

Previous ArticleNext Article