Principais crimes cibernéticos do mundo são retratados em livro

Lorena Pelanda e Assessoria


O perito judicial Wanderson Castilho, especialista em crimes virtuais, lança nesta sexta-feira, dia 10 de agosto, em Curitiba, o livro “100 Fatos marcantes sobre o cibercrime no mundo”. Este é o seu quarto livro sobre a criminalidade no mundo digital.

A obra faz um balanço dos principais crimes cometidos pela internet entre 1989 e 2017, mostrando técnicas e mecanismos utilizados pelos criminosos virtuais. Entre alguns dos crimes descritos estão ataques de hackers, divulgação de fake news, roubo de dados e informações sigilosas, estelionato e sabotagem de serviços.

Além de abordar o papel da segurança online no mundo e sua influência no desenvolvimento das novas tecnologias, o autor Wanderson Castilho relata que, mesmo com os avanços dos mecanismos de proteção e privacidade na rede mundial, o público ainda está muito vulnerável aos ataques dos bandidos virtuais. “Os criminosos ameaçam crianças, mulheres, instituições financeiras, empresas e agentes públicos. A rigor, todos os usu­ários da internet estão sujeitos a estas práticas”, explica.

Uma pesquisa da empresa CyberSecurity Ventures, de 2017, uma das gigantes mundiais da segurança digital, revela o tamanho desse mercado ao prever que o cibercrime deve trazer prejuízos ao mundo na ordem de US$ 6 trilhões em 2021.

“Especialistas renomados em segurança digital, como Wanderson Castilho, prevêem que, no futuro, todo mundo será atacado. Isto parece catastrofismo, mas não é. Ou seja, não é uma questão de “se” você vai ser atacado, mas “quando” isso vai acontecer”, afirma o editor do livro, o jornalista Eduardo Sganzerla.

No evento de lançamento na capital paranaense, o autor promoverá um bate-papo com a plateia e fará uma apresentação sobre alguns dos casos mais notórios de crimes virtuais em todo o mundo.

Também haverá sessão de autógrafos e um coquetel para os convidados que poderão adquirir o livro pelo preço promocional de R$ 30.

O lançamento será no dia 10 de agosto, às 19 horas, no Memorial de Curitiba (Rua Dr. Claudino dos Santos, 79, São Francisco, Centro).

Previous ArticleNext Article
Coordenadora de jornalismo da rádio BandNews FM Curitiba
[post_explorer post_id="543938" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]