Bob Dylan é acusado de abuso sexual contra menina de 12 anos

Redação

Bob Dylan é acusado de abuso sexual contra menina de 12 anos

O cantor Bob Dylan, de 80 anos, foi acusado de cometer um abuso sexual contra um menina de 12 anos em 1965. Para a revista Rolling Stone, um representante de Dylan negou o crime.

A acusação foi registrada pela suposta vítima em Nova York, no dia 13 de agosto, dentro do prazo da lei “Child Victims’ Act”, que permite o relato de abusos sexuais durante a infância em processos fora do prazo de prescrição legal.

BOB DYLAN É ACUSADO DE ABUSO SEXUAL EM NOVA YOKR, EM 1965

Conforme o texto do processo, o suposto abuso sexual cometido por Bob Bylan contra uma menina de 12 anos teria acontecido no Hotel Chelsea, em Nova York. Ele estava hospedado no local, e segundo relato da mulher, ele teria oferecido drogas e álcool com o objetivo de cometer o crime, além de cometer violência física.

O cantor teria entre 24 e 25 anos ne época e segundo o processo, “explorou a condição de músico ao preparar J.C (como é identificada a vítima) para ganhar confiança dela e obter controle”. Agora, a vítima tem 68 anos.

Bob Dylan é acusado de agressão, agressão sexual, cárcere privado e imposição de sofrimento emocional.

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="783763" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]