Comida di Buteco oferece variedade de petiscos em Curitiba

O concurso 'Comida di Buteco' 2018, que elege o melhor bar de Curitiba, tem petiscos para todos os gostos. Carne de onça..

Andreza Rossini - 02 de maio de 2018, 18:47

Serão cinco barracas com comidas típicas do Chile, México, Equador, Bolívia e Colômbia. [foto: divulgação]
Serão cinco barracas com comidas típicas do Chile, México, Equador, Bolívia e Colômbia. [foto: divulgação]

O concurso 'Comida di Buteco' 2018, que elege o melhor bar de Curitiba, tem petiscos para todos os gostos. Carne de onça repaginada, por torresmo, canudinho de maionese a acarajé de falafel, entre outros.

Vinte bares disputam o prêmio até o próximo domingo (6): A Casa da Esquina, Alchemia Bar, Armazém do Espetinho, Baba Salim, Bar do Edmundo, Bar dos Passarinhos, Bar Giraldi, Boa Viajem, Cabana Bar & Petiscaria, Casa do Jão, Casa Velha, Dom Rodrigo, Jacobina, Paraguassu, Pick Nick Bar, Schnaps Bar, Tatu Bar, Tertúlia Bar, Vallentina e Zezito’s.

Todos os petiscos são diferentes. Os amantes de frutos do mar podem se deliciar com espetinho de camarão, caldo de piranha, caravelas portuguesas com bacalhau e muitas delícias. Para quem gosta de ousar tem o novo bafo de onça, kafta de frango, acarajé de falafel e bolinho de pernil. Já os amantes de uma boa carne têm muitas opções: panelinha italiana com polenta, costela em cestinha comestível, mini joelho de camelo e por aí vai.

Pela terceira vez consecutiva os botecos devem respeitar o preço máximo do petisco de R$ 25,90.

De acordo com o coordenador regional do evento, André Bezerra, neste ano o tema é livre, ou seja, não tem um ingrediente obrigatório como nos anos anteriores. Confira a entrevista ao Paraná Portal.

https://www.youtube.com/watch?v=h7zUC1JypQM

Para participar do concurso, basta ir até um dos botecos participantes, pedir o petisco concorrente e votar presencialmente em quatro quesitos com notas que vão de 1 a 10: tira-gosto, higiene do local, atendimento e temperatura da bebida. Cada quesito tem um peso diferente, sendo que o petisco corresponde a maior parte da nota: 70%. Só é possível votar presencialmente e apenas uma vez em cada bar. É importante não esquecer de colocar o RG na cédula de votação. Caso contrário, o voto perde a validade.

O peso dos votos da população é de 50%. Os outros 50% são da avaliação de um corpo de  jurados que irá votar nos mesmos critérios. O júri é sigiloso e passa pela experiência nos botecos como um cliente normal. Só ao final da “botecagem”, na hora de pagar a conta, é que eles podem se identificar.

Concurso nacional

Ao final dos 24 dias de concurso, o instituto de pesquisa Vox Populi faz a apuração do grande vencedor para então iniciar a segunda etapa do Comida di Buteco: a eleição do melhor boteco do Brasil, que será feita apenas por um corpo de jurados que viajará pelo País fazendo as avaliações.

Além de Curitiba, o concurso acontecerá em outras 20 cidades simultaneamente: Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Fortaleza, Florianópolis, Goiânia, Juiz de Fora, Manaus, Montes Claros, Poços de Caldas, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São José do Rio Preto, São Paulo, Uberlândia e Vale do Aço.

https://youtu.be/m-Vd1grFNaw