Guta Stresser é diagnosticada com esclerose múltipla

A atriz curitibana disse: "Sei que vou ter de conviver com a esclerose múltipla para o resto da vida. Cada dia que passa é uma vitória". 

Redação - 20 de junho de 2022, 14:49

(Foto: Reprodução/Instagram)
(Foto: Reprodução/Instagram)

A atriz curitibana Guta Stresser, de 49 anos, anunciou nesta segunda-feira (20) que foi diagnosticada com esclerose múltipla. Em entrevista à Veja, publicada no final de semana, ela disse: "Sei que vou ter de conviver com a esclerose múltipla para o resto da vida. Que ela seja longa e plena. Cada dia que passa é uma vitória".

Guta, que ficou nacionalmente conhecida por interpretar a personagem Bebel durante 13 anos no seriado 'A Grande Família', da Globo, contou que os primeiros sintomas apareceram em 2020, quando participou do quadro 'Dança dos Famosos', no Domingão do Faustão.

"Durante os ensaios, eu passava a coreografia. Quando terminava, não lembrava de mais nada. Nada mesmo. Não entendia o motivo, sempre tive facilidade para essas coisas. Com esforço, porém, consegui avançar na competição", disse a atriz,

Com o passar do tempo, os sintomas se agravaram. Guta Stresser chegou a achar que eram sinais da Covid-19 ou de algo relacionado à menopausa.

"Comecei a esquecer palavras bem básicas, como 'copo' e 'cadeira'. Se ficava duas horas parada assistindo a um filme na TV, logo sentia dores musculares. Tinha formigamentos frequentes nos pés e nas mãos. O pior era um zumbido constante no ouvido. Parecia que havia ali um fio desencapado, provocando um curto-circuito na minha cabeça", relata.

DIAGNÓSTICO DE ESCLEROSE MÚLTIPLA

O diagnóstico de esclerose múltipla para Guta Stresser veio após sofrer uma queda em casa. A atriz passou por uma ressonância magnética, que apontou a doença.

"Perdi o chão na mesma hora. Nem sabia direito o que era aquilo, só que afetava o cérebro, e só isso me soou aterrorizante. O médico explicou que se trata de uma doença autoimune em que o próprio corpo ataca a mielina - a capa de gordura que reveste os neurônios e ajuda nas conexões da mente", explica Guta.

A esclerose múltipla não tem cura, mas tem tratamento. Segundo o Hospital Israelita Albert Einstein, os principais sintomas da doença são: 

  • Formigamento das mãos
  • Fraqueza nas pernas
  • Visão dupla
  • Vertigem
  • Incontinência ou retenção urinária

Guta Stresser faz uso de medicamento contínuo, fornecido pelo SUS (Sistema Único de Saúde), para estabilizar a doença. 

Como últimos trabalhos, a atriz participou de um episódio da série 'How to be a carioca', que ainda não estreou pela Star+, e fez parte da montagem da peça 'O Casamento', de Nelson Rodrigues.