Harry e Meghan recebem aval de rainha Elizabeht II para deixar família real britânica

Redação

principe harry, meghan markle, rainha elizabeth, megan e harry, kate middleton, harry e meghan, príncipe harry, princesa diana, principe william, harry, meghan e harry, elizabeth ii, familia real britanica

A rainha da Inglaterra Elizabeth II afirmou nesta segunda-feira (13) que concorda com um período de transição para o príncipe Harry e Maghan Markle. O casal deve dividir seu tempo de vida entre o Reino Unido e o Canadá. Megan e Harry anunciaram que desejam deixar a família real britânica e trabalhar para se tornarem financeiramente independentes.

Em comunicado oficial, a rainha britânica Elizabeth II afirmou que apoia plenamente o desejo do casal. No entanto, também disse que preferia que Harry e Meghan continuassem como membros “em tempo integral trabalhando para a família real”. Além disso, o comunicado aponta que ainda há “assuntos complexos” a serem resolvidos.

“Minha família e eu apoiamos plenamente o desejo de Harry e Meghan Markle de criar uma nova vida como uma jovem família. São assuntos complexos para a minha família resolver, e ainda temos trabalho a fazer, mas pedi que as decisões finais sejam tomadas nos próximos dias”, diz o comunicado assinado pela rainha Elizabeth II.

HARRY E MEGHAN QUEREM DEIXAR A FAMÍLIA REAL

Reuniões de emergência foram convocadas após o príncipe Harry e atriz Megahn Markleduque e duquesa de Sussex — anunciarem pelo Instaram o desejo de deixar o posto de “membros seniores da família real britânica“. Conforme o casal, eles desejam trabalhar para se tornarem financeiramente independentes.

Em comunicado público, Harry e Meghan anunciaram a intenção de “construir gradualmente um novo papel dentro desta instituição”. Por isso, assim que o assunto for resolvido, eles devem dividir o tempo entre o Reino Unido e o Canadá.

principe harry, meghan markle, rainha elizabeth, megan e harry, kate middleton, harry e meghan, príncipe harry, princesa diana, principe william, harry, meghan e harry, elizabeth ii, familia real britanica
Divulgação/Royal Communications

WILLIAM E KATE MIDDLETON NEGAM MAL-ESTAR

Nesta segunda-feira (13), o príncipe William negou que ele e Kate Middleton praticassem bullying. Os irmãos negaram, em nota conjunta, as informações do jornal The Times. Conforme a reportagem, Harry e Meghan Markle se sentiam excluídos da família real. Além disso, seriam constantemente alvo de bullying por parte do príncipe William e Kate Kiddleton.

Em nota, os irmãos afirmaram que o conteúdo do jornal é falso e ofensivo. “Para irmãos que se preocupam tanto com questões relacionadas à saúde mental, o uso de linguagem inflamatória desse modo é ofensivo e potencialmente danoso”, diz trecho do comunicado oficial.

Previous ArticleNext Article