Integrantes do Grupo Minuano são assaltados e agredidos no interior do Paraná

As vítimas foram rendidas, amarradas e levadas para uma área de mata; lá, todos teriam sido agredidos, inclusive mulheres.

Tarobá News - 17 de fevereiro de 2022, 14:22

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

Integrantes do Grupo Minuano, foram assaltados e violentamente agredidos na madrugada desta quarta-feira (16), entre os municípios de Iretama e Nova Tebas, na região Centro-Oeste do Paraná. As informação são da Tarobá News.

Segundo o relato, eles estavam viajando em um veículo Azzera pela BR-487 quando foram surpreendidos por seis homens em um veículo VW Golf prata e um GM Corsa bege. Os suspeitos atiraram contra o veículo dos músicos, onde estavam a esposa do dono da banda, a esposa do baterista, um contrabaixista e um técnico de iluminação. Eles iriam para Curitiba onde iriam participar de uma audiência.

Segundo o que foi informado, pelo dono da banda, José Bitencourt Ramos, conhecido também como "Ye", os suspeitos a todo momento pediam por drogas e podem ter confundido as vítimas.

Os bandidos estavam com coletes a prova de balas, coturnos, máquinas de choque e usavam armas de grosso calibre como fuzil e carabina.

Após render as vítimas, todos foram amarrados e levados para uma área de mata. Lá eles teriam sido agredidos e nem as mulheres foram poupadas. As vítimas ficaram no local das 4h da madrugada até as 11h da manhã, quando uma das mulheres conseguiu se soltar e libertou as outras pessoas. 

A violência teria sido tão grande que uma das mulheres está urinando sangue e ainda não sabe que tipo de ferimentos internos as agressões podem ter provocado. 

Além do carro, os assaltantes levaram todos os objetos pessoais, como cartões, celulares, um contrabaixo e certa quantia em dinheiro. Os prejuízos passam dos R$ 60 mil e para o dono da banda o pior dano ainda é o psicológico.

Qualquer informação sobre a localização do veículo podem ser repassadas para a polícia.