Luciano Hang, dono da Havan, nega fake news e entrega celular à Polícia Federal

Alvo de buscas pela Polícia Federal, o empresário Luciano Hang, dono da Havan, negou participação em fake news contra mi..

Redação - 27 de maio de 2020, 15:51

Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Alvo de buscas pela Polícia Federal, o empresário Luciano Hang, dono da Havan, negou participação em fake news contra ministros do STF (Supremo Tribunal Federal).

Em transmissão nas redes sociais, ele saiu em defesa da liberdade da expressão e do respeito aos três poderes.

“Se eu fiz alguma fake news contra ministros do STF... nada, pessoal! Zero. Zero. E isso vai ser provado com meu telefone e meu computador”, disse Luciano Hang.

O empresário teve o telefone e o celular apreendidos no âmbito do inquérito que apura a produção e patrocínio de fake news. Os aparelhos serão periciados.

“Aos meus amigos, tenho que passar meu novo telefone. Quem vai me ligar agora, meu telefone não vai atender, porque ele não está comigo mais”, completou.

https://twitter.com/luciano_hang/status/1265647017545662464

Em nota, Luciano Hang disse não tem nada a esconder e que o posicionamento político dele pode ser identificado por meio das postagens públicas em redes sociais.