Podcast discute história e atualidade do fandango caiçara

Redação

podcast "O fandango hoje" com o mestre Aorelio Domingues

Recentemente, foi lançado um podcast chamado “O fandango hoje”, que discute história e atualidade do fandango caiçara: desde a sua forma natural até a transição para o âmbito erudito e para o espaço popular de rádio com roupagem contemporânea.

Para explicar essas mudanças e diferenças, o mestre fandangueiro Aorelio Domingues ouviu especialistas, como o mestre Cleiton Prado Carneiro da Juréia, de Iguape-SP; Ary Giordani, professor, macheteiro e designer de som; Carla Zago, musicista, professora de música, violinista erudita e diretora musical; e Leomaristi, músico e produtor musical.

O fandango é um ritmo musical tradicional do povo caiçara há mais de 400 anos, desde as cidades do litoral sul do Rio de Janeiro até o litoral norte de Santa Catarina, se estendendo às cidades mais antigas do planalto paranaense. O ritmo possui instrumentos próprios como viola, rabeca, machete, adufo e caixa. Ele também tem uma dança característica que faz das batidas do tamanco parte da percussão musical.

Aorelio Domingues é integrante do grupo de fandango Caiçara Mandicuera, da Ilha dos Valadares, em Paranaguá. Já lançou o CD “Amanhece – Fandango Pancada” que foi uma primeira iniciativa de transportar o fandango caiçara para o estúdio em busca de um resultado que respeita a tradição e as estruturas naturais do Fandango, e, ao mesmo tempo, tem uma sonoridade compatível com a gravação e a execução radiofônica.

Ele também transitou para o espaço erudito, com a criação da Orquestra Rabecônica em 2008, e nela foi criada e encenada a primeira Opereta Caiçara – Açucena – em 2011. Para a composição, foram desenvolvidos novos instrumentos a partir da rabeca; como a rabiola (versão caiçara da viola de arco), os rabelos (similares ao violoncelo), e rabecões (contra-baixos).

Atualmente, o mestre se dedica ao espaço popular contemporâneo, com novas modas em roupagem radiofônica. Para isso, foi desenvolvido o caranguejo drum, um novo instrumento de percussão, que substitui os batedores de tamancas tradicionais do fandango tradicional. A novidade foi feita em parceria com Leomaristi Alexandre dos Santos.

Para ouvir “O fandango hoje”, devem ser acessados os agregadores de podcasts. O conteúdo está disponível nas plataformas de áudio Spotify, Deezer, Soundcloud, iTunes, Simplecast e Castbox.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="757573" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]