Série 'The Crown' da Netflix é roubada e joias de R$ 1 milhão são levadas

No total, foram levadas cerca de 200 peças, entre as quais está uma réplica do ovo de Fabergé, item valioso que foi adquirido por George V, avô da rainha Elizabeth 2º, em 1933.

Folhapress - 24 de fevereiro de 2022, 14:28

Foto: Sophie Mutevelian/Netflix
Foto: Sophie Mutevelian/Netflix

O set de gravações de "The Crown", aclamada série da Netflix, foi assaltado e provocou um prejuízo de cerca de 150 mil libras esterlinas (R$ 1 milhão na atual conversão para o real), após joias valiosas, entre outros itens, terem sido surrupiados.

Ao Sky News, a Netflix confirmou o infortúnio no set de filmagens localizados em Doncaster, no Condado de South Yorkshire, na Inglaterra. O crime aconteceu na semana passada, mas só foi noticiado agora.

Segundo informações das autoridades de Doncaster, o incidente aconteceu no local em que são gravados os episódios da quinta temporada da série e as peças foram roubadas por criminosos de dentro de três caminhões que estavam estacionados na área.

No total, foram levadas cerca de 200 peças, entre as quais está uma réplica do ovo de Fabergé, item valioso que foi adquirido por George V, avô da rainha Elizabeth 2º, em 1933.

Além disso, também foram roubados um relógio, uma gaiola cromada para pássaros, bem como pulseiras, colares e brincos usados pela atriz Elizabeth Debicki, que dará vida a princesa Diana na quinta parte da trama.

A quinta temporada de "The Crown" tem estreia prevista para novembro de 2022, e mostrará mais detalhes da família real britânica. A atriz Imelda Staunton será a rainha Elizabeth 2º, enquanto o ator Dominic West dará vida ao príncipe Charles, Jonathan Pryce interpreta o príncipe Philip, e Debicki será Diana.