Tyra Sanchez, vencedora de RuPauls Drag Race é presa acusada de vandalismo

James William Ross, conhecido por seu nome de drag queen Tyra Sanchez -vencedora da 2ª temporada do reality RuPaul's Dra..

Folhapress - 22 de agosto de 2020, 11:23

Divulgação
Divulgação

James William Ross, conhecido por seu nome de drag queen Tyra Sanchez -vencedora da 2ª temporada do reality RuPaul's Drag Race em 2010-, foi preso nesta quinta-feira (20) após ser flagrado grafitando um prédio em Atlanta, nos Estados Unidos. Segundo o portal TMZ, Ross responde na corte por danos à propriedade.

O crime foi denunciado por um guarda local, que alertou policiais sobre "uma pessoa que pintou com spray os dizeres 'Don't Move Here Ever' na lateral de um prédio". Os policiais conseguiram localizar e identificar James Ross, e o levaram para a Cadeia do Condado de Fulton.

Fontes ouvidas pela TMZ dizem que a drag queen Tyra Sanchez mora no complexo que ele supostamente vandalizou, e que não paga aluguel há meses. O portal não conseguiu contato com ele.

A 2ª temporada de RuPaul's Drag Race estreou em 2010 com 12 participantes e uma premiação de suprimento vitalício de maquiagem NYX Cosmetics, contrato de um ano para estrelar a campanha da LA Eyeworks, participação na Logo Drag Race Tour e um prêmio de US$ 25 mil (cerca de R$ 140 mil) em dinheiro.