Uma imagem com ponto de luz que leva à reflexão

Pedro Ribeiro


 

Pedro Ribeiro

A pequena e bela Alto Paraná, localizada no Noroeste do Estado, é palco de inspiração para fotógrafos e poetas. As imagens do final de tarde nos campos que permeiam a cidade são de tirar o fôlego. Elas encantam os moradores que escolheram a cidade para morar, criando raízes, filhos, sempre na expectativa de uma cidade cada vez melhor, sem violência e exemplo de comunidade participativa. Já recebi dezenas de imagens de Alto Paraná que circulam no “Alto Paraná sem Rabo Preso” grupo que reúne pessoas que discutem a cidade em todos os seus aspectos, seja cultural, educacional, econômico, lazer e saúde. Como altoparanaense, já fiz inúmeras imagens da paisagem local, como a cachoeira da Pedreira, a Cachoeira dos Torres, árvores solitárias nos campos periféricos da Santa Maria. E me lembro que gostava de ir à noite no sítio do Osmarin para observar as milhares de estrelas que parecem brilhar apenas para a cidade. Nesta semana recebo uma foto da jovem Bruna Alcântara que nos mostra um belo céu e um intrigante ponto de luz amarelo. Passamos a imagem para análise do Simepar que nos disse não se tratar de fenômeno, mas um reflexo seja da luz do posto ou mesmo da câmera da fotógrafa. Obrigado Bruna por nos enviar a foto.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="754601" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]