Vinhos da Eslovênia e da Macedônia do Norte para esquentar o inverno

Redação

Inverno pede vinhos da Eslovênia e da Macedônia do Norte

Na estação mais fria do ano buscamos pratos mais quentes e encorpados. E a escolha do vinho correto para harmonizar é fundamental para uma boa experiência gastronômica. Que tal experimentar vinhos produzidos na Eslovênia e Macedônia do Norte?

A Puklavec Wines é a maior empresa de vinhos da Eslovênia e produz aproximadamente 5 milhões de litros de vinho por ano, dividido entre várias linhas. A família iniciou suas atividades no ramo em 1932.  Mas, com dificuldades políticas e geográficas, somente em 1991, quando o país conseguiu a sua independência e abriu suas fronteiras para o mercado internacional, é que a empresa pode aprimorar sua produção criando novos vinhos.

E em 2009 a Puklavec iniciou uma nova fase de modernização. Atualmente, exporta para mais de 20 países. Seus maiores mercados são Inglaterra e Alemanha.

A Eslovênia está entre a Itália, a Áustria e a Hungria, a Croácia e o Mar Adriático. É um país com paisagens muito diversificadas, muito sol e uma população trabalhadora e simpática. Na região nordeste da Eslovênia está a área de Jeruzalem Ormož, uma das maiores regiões vinícolas do mundo. Ali fica a Puklavec Wines. Essa região está na mesma altitude que a Borgonha e sua latitude é comparável à da Nova Zelândia.

As colinas e socalcos são característicos da região, garantindo que as uvas recebam bastante sol. Devido às encostas íngremes, todas as uvas ainda são colhidas manualmente, o que exige muito trabalho, mas contribui para a qualidade dos vinhos da vinícola que produz várias linhas.

Puklavec & Friends

A linha Puklavec & Friends tem 13 vinhos. A empresa investe intensamente em tecnologia para garantir condições adequadas e qualidade dos rótulos produzidos. A Puklavec & Friends apresenta vinhos frescos, frutados e acessíveis a todos os gostos.

Além da linha Puklavec & Friends, o grupo possui ainda a linha Seven Numbers. E este ano lançou a linha Instinct, para produção exclusiva de vinhos tintos.

Puklavec & Friends Cabernet Sauvignon e Merlot

Este é um dos vinhos tintos que compõem a linha Puklavec & Friends a fermentação é controlada em tanques de aço inoxidável à baixa temperatura. Apresenta aromas intensos de frutas escuras maduras, chocolate, pimenta preta e outras especiarias. Taninos macios e um final de boca mais longo formam um vinho muito harmonioso. Harmoniza com carnes grelhadas e legumes, cordeiro assado e queijos maturados. A temperatura apropriada para servir está entre 14°c – 16°c.

Macedônia do Norte, a terra dos tintos da vinícola

A República da Macedônia do Norte atualmente é um país independente que fica ao norte da Grécia. É o local que a Puklavec Wines escolheu para produzir seus vinhos tintos.

A Eslovênia tem fama no mundo dos vinhos por produzir os melhores rótulos de uvas brancas da Europa. São vinhos aromáticos, leves e com personalidade, conquistados em razão de um conjunto de fatores que inclui clima continental, paisagem montanhosa, frio, além de solos calcários. Em comparação ao clima e à geografia, suas características se aproximam às da Borgonha.

Com o ganho de espaço no mercado internacional pela Puklavec, as importadoras começaram a cobrar também por vinhos tintos. Como as condições climáticas e geográficas da região de Jeruzalem Ormož são apropriadas para produção de vinhos brancos, a empresa decidiu buscar um novo terroir. Adquiriu terras na Macedônia, na região de Tikves, onde há clima e solo favoráveis para produção de vinhos tintos encorpados.

Segundo o especialista inglês Paul Tudgay, diretor comercial da Rootstock Vinhos, responsável pela marca no Paraná, “a Macedônia do Norte, na sub-região de Negotino, oferece clima mediterrâneo, solos arenosos, com verões quentes, secos e altitude adequada, são condições similares às da Toscana na Itália para produção de vinhos tintos, e o resultado da linha Instinct é surpreendente!”, destaca.

A Instinct é uma nova linha de vinhos lançados pela Puklavec Wines, advinda de vinhedos que vêm sendo cultivados e aperfeiçoados há 10 anos, aguardando o momento e a hora certa para a produção de rótulos com as qualidades esperadas pelos produtores e 100% macedônicos.

O Instinct Vranec é o primeiro vinho exportado da linha, de alta qualidade, complementa a gama atual de vinhos brancos da vinícola e foi lançado no primeiro semestre no Brasil.

Cada vinho da Puklavec produzido na Macedônia é único e representa um animal poderoso a ele associado, todos criados com paixão, atenção aos detalhes, experiência e um instinto determinado (como o próprio nome diz: Instinct).

A uva Vranec

É uma uva tinta, a mais importante casta da Macedônia, produz vinhos poderosos e com potencial de guarda; seu nome quer dizer “garanhão negro” em homenagem à força dessa variedade.

O vinho que leva seu nome teve contato prolongado com as peles em seu processo de produção, fermentado em tanques de inox e maturado 12 meses em barricas de carvalho. Tem coloração rubi escura, caráter frutado variado com aromas de framboesa, ameixa preta e notas de especiarias. É um vinho tinto de sabor rico e cheio, com taninos suaves e elegantes. Acompanha queijos maturados, carnes vermelhas, carne de cordeiro e massas.

Design dos rótulos

Semelhante a um cavalo, animal a ele associado, Vranec é cheio de orgulho local, imponente, apaixonado e enérgico. “Vranec é um vinho rústico, porém, macio com taninos elegantes, apresenta complexidade e vai atender perfeitamente paladares que apreciam castas como Malbec e Cabernet Sauvignon”, destaca o especialista Paul Tudgay. Já o Instinct Cabernet Sauvignon é a melhor descrição de uma águia determinada e destemida que foi criada com incrível atenção aos detalhes.

O cabernet sauvignon apresenta fruta vermelha no nariz, um pouco de couro e framboesa também, picante, com taninos médios e boa complexidade. Harmoniza com churrasco, carnes grelhadas, hambúrguer grelhado e queijos maturados.

Toda a linha da Puklavec Wines pode ser encontrada na Rootstock, responsável pela marca no Paraná.

 

Leia também: Festival de gastronomia caiçara apresenta a cambira, prato feito com tainha defumada

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="775111" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]