Alunos protestam após vice-diretor ser agredido em frente a escola

Alexandra Fernandes


Estudantes do Colégio Estadual Ivan Ferreira do Amaral, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba, fizeram um protesto nesta terça-feira (26) pedindo mais segurança no local. Isto porque ontem (25), o vice-diretor da escola foi agredido em frente ao estabelecimento de ensino ao tentar separar uma briga entre um aluno e um homem.

De acordo com a Polícia Militar, Márcio Bobrow, de 45 anos, acabou agredido pelas costas pelo homem que estava na discussão. O vice-diretor fraturou a clavícula e sofreu um corte na cabeça. Ele está internado no Hospital Cruz Vermelha e deve passar por uma cirurgia no ombro. Alunos se reuniram e colaram cartazes em apoio ao professor e pedindo o fim da violência.

Em nota a Secretaria de Educação do Estado informou que O agressor não é aluno ou ex-aluno do colégio. E que os pais dos estudantes envolvidos serão convocados pela direção do estabelecimento, seguindo os protocolos de segurança conforme o manual de Orientações Práticas de Segurança para Instituições de Ensino.

O Núcleo Regional de Educação da Área Metropolitana Norte acompanha a situação. A Secretaria da Educação ainda reforça a importância do diálogo e do acompanhamento, por parte dos pais, da rotina escolar de seus filhos.

Previous ArticleNext Article