Campanha arrecada doações para as vítimas das enchentes no Acre

Nesta quinta-feira (25), foi iniciada uma campanha de arrecadação de doações para as vítimas das enchentes que atingiram..

Redação - 25 de fevereiro de 2021, 15:10

Em Assis Brasil o Rio Acre já baixou mais de 3,5 metros. Agora, a preocupação maior é em Brasileia e Epitaciolândia, pois o nível do rio continua subindo (Divulgação Secom Acre)
Em Assis Brasil o Rio Acre já baixou mais de 3,5 metros. Agora, a preocupação maior é em Brasileia e Epitaciolândia, pois o nível do rio continua subindo (Divulgação Secom Acre)

Nesta quinta-feira (25), foi iniciada uma campanha de arrecadação de doações para as vítimas das enchentes que atingiram o Acre. A ação é realizada pela Defesa Civil do Paraná e pela Superintendência de Ação Solidária.

Segundo o Corpo de Bombeiros da região, 121 mil pessoas foram atingidas pelas enchentes após as cheias dos rios Acre, Juruá, Tarauacá, Envira e Purus. Dez cidades do estado da região Norte do país estão em situação de calamidade pública.

Uma das prioridades entre os itens doados são roupas para adultos e crianças, que devem ser levadas em bom estado de conservação até um quartel do Corpo de Bombeiros do Paraná em sistema drive-thru. "Devido à pandemia, os quartéis também estão preparados para você não precisar sair do carro, e todas as precauções serão tomadas", disse o coordenador estadual da Defesa Civil do estado, coronel Fernando Schunig.

A presidente do conselho da Superintendência de Ação Solidária e primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, ressaltou que foi feito uma apuração sobre o que especificamente precisa ser doado: "Pedi ao coronel Fernando, da Defesa Civil do Estado do Paraná, para levantar quais são as maiores necessidades do estado diante dessa difícil situação".

Conforme a Defesa Civil alerta, as famílias desabrigadas ou desalojadas precisam das doações com urgência. Os itens são aceitos em qualquer sede do Corpo de Bombeiros no estado.