Começa a valer a multa para carros com som alto

Mariana Ohde


Já está valendo a multa para o motorista que for flagrado ouvindo som alto no carro, de forma que incomode os demais. A resolução é do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e começou a valer nesta segunda-feira (24). A multa pode ser aplicada sem a medição dos decibéis produzidos.

A medida permite que o agente fiscalizador registre a autuação sempre que o som possa ser ouvido do lado de fora dos veículos e esteja perturbando o sossego público.  Não é necessária a utilização de aparelho de medição de decibéis para a aplicação das multas.

A infração é considerada grave, com multa de R$ 127,69 centavos, além de 5 pontos na habilitação.

Para a coordenadora de Infrações do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran), Marli Batagini, a medida deve facilitar a fiscalização. “O agente de trânsito ganhou a possibilidade de fiscalizar efetivamente e proteger a audição da nossa população”, afirma. Segundo Marli, antes, com a necessidade do equipamento de medição de decibéis, a fiscalização acabava não sendo feita efetivamente.

Ruídos produzidos por buzinas, alarmes, sinalizadores de marcha a ré e demais componentes obrigatórios do próprio veículo não entram na resolução.

Também não estão sujeitos à multa os carros e caminhões de som de publicidade, divulgação ou entretenimento público, que estejam previamente autorizados.

A partir do dia 1º de novembro, o valor das multas será reajustado em até 66% e as infrações graves vão ter custo de R$ 195,23.

Com BandNews Curitiba

Previous ArticleNext Article
Repórter no Paraná Portal
[post_explorer post_id="393333" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]