Dicas para não sabotar a dieta nas festas de fim de ano

Redação

Final de ano é um período de festas e jantares e confraternizações. Tudo normal, anual e inevitável. No entanto, é importante seguir algumas dicas para que todo o seu planejamento alimentar, em que você se dedicou bastante, não vá por água abaixo.

De acordo com o especialista em obesidade, o cirurgião bariátrico, Caetano Marchesini, é possível ter uma ceia saudável, equilibrada e gostosa seguindo algumas estratégias. Para melhor explicar, vamos separar o evento em três fases.

Antes da festa

É importante lembrar que deve-se manter a regularidade do plano alimentar. “Não pule uma refeição para compensar a outra e nunca chegue com fome a uma festividade. Sempre faça um pequeno lanche antes de ir e procure hidratar-se mais”, explicou o especialista. O lanche pode ser o mesmo que está em sua dieta rotineira.


Durante a festa

Quando chegar ao evento, faça o reconhecimento do local e veja o que será servido para poder fazer escolhas saudáveis. “Se necessário, informe as pessoas que está passando por um processo de reeducação alimentar. Se for jantar, evite os petiscos e monte um prato saudável”, afirma Marchesini.

Para montar um prato saudável o ideal é que comece o dividindo em duas partes. “Na metade direita coloque saladas à base de folhas verdes e frutas, evitando molhos gordurosos. Prefira os molhos a base de azeite de oliva, limão, vinagre, cebola, ou pimenta”, diz.

A metade do prato que sobrou deve ser dividida novamente em duas partes. “Em uma coloque uma porção de proteína, que pode ser uma fatia do tamanho da palma da sua mão, sem os dedos. Opte sempre por carnes magras”, orientou. “Na outra parte coloque uma porção de carboidrato, do tamanho do punho da sua mão fechada”.

Ainda de acordo com o especialista, é necessário ter cuidado com as oleaginosas. “Embora sejam gorduras saudáveis, também são calóricas. Se optar por comê-las use o espaço reservado para o carboidrato”, alerta Marchesini.

As bebidas alcoólicas também são muito calóricas e devem ser evitadas. “Lembre-se que cada grama tem 7 calorias. Nunca beba de estômago vazio e para cada copo de bebida alcoólica é necessário um d’água para ir hidratando e desintoxicando”.

Ainda de acordo com o cirurgião, há alertas comportamentais importantes. “Coma devagar e comece pelas saladas e frutas. Mantenha seu copo sempre cheio de uma bebida menos calórica e opte pelo prato menor”, explicou o cirurgião.

Depois da festa

Se você exagerou na comilança o seu organismo vai pedir socorro, a famosa ressaca. “O aparelho digestivo, com certeza, não vai gostar nem um pouco do trabalho extra. O estômago precisa fabricar mais suco gástrico, o fígado mais bile, enquanto o intestino precisa produzir mais suco entérico e fica mais lento”, explica o especialista.

Ajude o seu corpo a se recuperar. “Tome muita água pura e chás, como camomila e erva cidreira. Coma frutas com casco e sem bagaço, tome muito suco de fruta e evite o café. Aposte nas saladas de folhas diversas e fique longe de comidas pesadas ou calóricas e de leites e derivados”, orienta

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook