Estado Islâmico assume autoria de atentados em igrejas no Egito

Andreza Rossini


Da Agência Brasil

O grupo terrorista Estado Islâmico assumiu a autoria dos atentados a bomba ocorridos na manhã deste domingo (9) em duas igrejas coptas (vertente do cristianismo) no Egito. Em comunicado enviado a simpatizantes do grupo e divulgado pelas redes sociais, os terroristas confirmaram que ordenaram os ataques.

De acordo com último balanço divulgado pelas autoridades locais, pelo menos 36 pessoas morreram e 74 ficaram feridas após as duas explosões. Os fiéis foram atingidos no momento em que participavam de uma missa em comemoração ao Domingo de Ramos, celebração que marca o início da Semana Santa.

Foto: Agência Lusa/EPA/Mohamed Hossam
Foto: Agência Lusa/EPA/Mohamed Hossam

A primeira explosão foi registrada em Tanta, a cerca de 100 quilômetros do Cairo, capital do país. Duas horas depois, a segunda bomba explodiu em Alexandria, no norte do Egito. Ainda não foram divulgadas informações sobre suspeitos dos dois atentados.

As explosões ocorrem a 20 dias da primeira viagem do papa Francisco ao Oriente Médio. O papa deve chegar ao Egito no dia 28 de abril, quando se reunirá com autoridades do governo, lideres muçulmanos e com o papa da Igreja Copta Cristiniana, Teodoro II.

Papa Francisco condena ataques terroristas a igrejas no Egito

 O papa Francisco condenou hoje (9) os dois atentados a bomba ordenados pelo grupo terrorista Estado Islâmico.

“Rezo pelos mortos e feridos. Estou próximo aos familiares e a toda comunidade. Que o Senhor converta o coração das pessoas que semeiam terror, violência e morte e também o coração daqueles que fazem e traficam armas”, clamou o pontífice.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="423986" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]