FAB confirma morte de comandante paranaense em acidente no Pantanal

Fernando Garcel


A Força Aérea Brasileira (FAB) confirmou a morte do comandante Marcos David Xavier, 34 anos. O piloto de Umuarama, do interior do Paraná, era o único tripulante do bimotor Sêneca, que caiu na tarde de segunda-feira (19) numa região rural em Miranda, a 195 no quilômetros de Campo Grande (MS), no Pantanal.

A aeronave partiu da Fazenda Cristo e tinha como destino Campo Grande (MS), mais caiu cerca de 2,5 quilômetros do local de decolagem e foi localizada na madrugada desta terça-feira (20). Como o local da queda é uma região alagada, equipes do Esquadrão Pelicano tiveram que ser acionadas. Marcos Xavier, que era considerado um piloto experiente, foi encontrado entre os destroços do bimotor. O corpo foi resgatado por três militares, que desceram de rapel até o local de área alagada.

12360323_10208527489890604_8749576142708570632_n (1)A aeronave do prefixo PT-VKY, modelo Embraer EMD-810 Seneca III, de uso particular está no nome da proprietária da empresa MS Táxi Aéreo, em situação regular, conforme a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Ainda não há informações sobre o que motivou a queda. Caso o problema não seja identificado, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) deve assumir as investigações sobre o caso.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="386605" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]